sicnot

Perfil

Economia

Estado arrecada mais de 21 milhões em impostos até julho

O Estado arrecadou 21.366,6 milhões de euros em impostos até julho, uma evolução que se deveu integralmente à receita dos impostos indiretos (+8,4%), já que a dos diretos recuou 5,3%, segundo dados divulgados esta quinta-feira pela Direção-Geral do Orçamento (DGO).

De acordo com a síntese da execução orçamental hoje publicada pela DGO, entre janeiro e julho deste ano, entraram nos cofres do Estado 21.366,6 milhões de euros em receita fiscal, um aumento de 2,3% face ao mesmo período do ano passado.

Na nota, a DGO escreve que este aumento de 2,3% na receita fiscal arrecadada até julho é "totalmente explicado pelo desempenho favorável da receita dos impostos indiretos".

Lusa

  • "Governo quando precisa de um ajuste financeiro pensa logo em aumentar impostos"
    25:52

    Luís Marques Mendes

    Luís Marques Mendes comenta a atualidade nacional e internacional. Sobre a polémica da alteração do cálculo do IMI o comentador diz que o "Governo quando precisa de um ajuste financeiro pensa logo em aumentar impostos". Para Luís Marques Mendes o novo decreto-lei é ilegal. Ainda sobre outra polémica a envolver o executivo de António Costa, o caso das viagens dos secretários de Estado patrocionadas pela Galp, Marques Mendes acha que Rocha Andrade "está dimimuído na sua autoridade" e devia tomar a iniciativa de sair do Governo. O comentador falou ainda sobre os últimos desenvolvimentos da candidatura de António Guterres à ONU, do impasse político em Espanha e da abertura dos Jogos Olímpicos.

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Dezenas de mortos em bombardeamentos do Daesh em Mossul

    Daesh

    Dezenas de civis, entre os quais várias crianças, morreram e outros ficaram feridos em ataques de morteiro efetuados pelo grupo extremista Daesh em Mossul, disse à agência Efe o vice-comandante das forças antiterroristas iraquianas.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.

  • Tribunal chinês iliba jovem executado há 21 anos

    Mundo

    Nie Shubin foi fuzilado em 1995, na altura com 20 anos, depois de ter sido condenado por violação e assassinato de uma mulher, na cidade de Shijiazhuang. Agora, a justiça chinesa vem dizer que, afinal, o jovem era inocente, uma vez que não foram encontradas provas suficientes para o condenar.