sicnot

Perfil

Economia

Empréstimos a particulares para habitação voltam a cair em julho

Os empréstimos concedidos pelos bancos a particulares com o destino habitação continuaram a cair em julho (-2,9%) em termos homólogos, assim como os concedidos a sociedades não financeiras (-2,2%), segundo dados divulgados esta terça-feira pelo Banco de Portugal (BdP).

Em junho, as taxas de variação anual (tva) destes empréstimos já haviam sido negativas em 3,0% e 2,5%, respetivamente.

Os depósitos de particulares nos bancos residentes, por sua vez, aumentaram em julho, 2.031 milhões de euros, totalizando 142,8 mil milhões de euros no final do mês.

"Este acréscimo refletiu-se numa tva de 3,6%, valor idêntico ao observado para a área do euro", nota o BdP.

O BdP divulgou também esta terça-feira que, em julho, a taxa de juro média dos novos empréstimos concedidos a sociedades não financeiras foi de 3,14%, 20 pontos base superior à do mês anterior.

Segundo refere, a subida das taxas de juro registou-se quer nas operações de montante superior a um milhão de euros quer nas de valor inferior, com as taxas de juro médias a passarem, respetivamente, de 2,35% para 2,69% e de 3,33% para 3,45%.

Nas novas operações de crédito concedidas a particulares, as taxas de juro médias para as finalidades de habitação e consumo foram de 1,94% e 7,50%, respetivamente, enquanto o valor da taxa de juro média do crédito para outros fins foi de 3,80%.

De acordo com o BdP, os volumes de novas operações para as finalidades de habitação e consumo ascenderam a 485 milhões de euros e 299 milhões de euros, respetivamente.

Em julho de 2016, a taxa de juro média dos novos depósitos até um ano de sociedades não financeiras fixou-se em 0,19% (0,18% em junho), sendo que no caso dos particulares o valor médio da taxa de juro de novos depósitos até um ano foi de 0,37% (0,40% em junho), o que corresponde a um novo mínimo da série.

Lusa

  • "Miúdos de 5 e 6 anos a perguntar: a minha casa ardeu, o meu pai está queimado?"
    4:55
  • Presidente visita zonas afetadas pelos fogos
    2:00

    País

    Numa visita inesperada, o Presidente da República esteve esta manhã em Vouzela, um dos concelhos mais atingidos pelos incêndios. Marcelo Rebelo de Sousa vai estar nos próximos dias no distrito de Viseu.

  • "Viverei com o peso na consciência até ao último dia"
    3:00
  • A fotografia que está a correr (e a impressionar) o Mundo

    Mundo

    A fotografia de uma cadela a carregar, na boca, o cadáver calcinado da cria está a comover o mundo. Entre as muitas fotografias que mostram o cenário causado pelos incêndios que devastaram a Galiza nos últimos dias, esta está a causar especial impacto. O registo é do fotógrafo Salvador Sas, da agência EFE. A imagem pode impressionar os mais sensíveis.