sicnot

Perfil

Economia

A resposta do ministro que lançou a polémica sobre um segundo resgate

A resposta do ministro que lançou a polémica sobre um segundo resgate

A polémica sobre o eventual risco de um novo programa de assistência financeira a Portugal surgiu na sequência de uma entrevista de Mário Centeno a uma televisão económica dos Estados Unidos. Quando a jornalista lhe perguntou se fará o que for preciso para evitar um novo resgate, o ministro das Finanças respondeu sem recusar de imediato essa hipótese e abriu espaço às críticas da oposição.

  • Costa diz que é mais fácil encontrar Pokémons do que o diabo
    1:50

    Economia

    O primeiro-ministro diz que não tem qualquer cabimento falar na possibilidade de um novo resgate financeiro a Portugal. Numa indireta ao PSD, António Costa sugere que quem anda à procura do "diabo", faria melhor em dedicar-se à caça de Pokémons e corrige o deslize do ministro das Finanças.

  • Segundo resgate a Portugal é uma "não notícia"
    0:36

    Economia

    António Costa diz que o tema de um possível segundo resgate a Portugal é uma "não notícia". O primeiro-ministro comentou esta quarta-feira a resposta que a agência de rating DBRS deu à SIC, onde afastou a necessidade de um novo pedido de resgate.

  • Passos não comenta acusações de António Costa
    0:28

    País

    Em reação a António Costa, o líder o PSD recusa-se a comentar que o partido ande à caça de Pokémons, tal como disse esta manhã o primeiro-ministro. Relativamente à possibilidade de um novo resgate, Passos Coelho rejeita que tal hipótese deva ser considerada.

  • DBRS não vê necessidade de um novo resgate

    Economia

    A agência de notação financeira DBRS considera que um pedido de resgate pode ser necessário se reforçar a capacidade de um governo, e não especificamente do executivo português, de dar resposta aos pagamentos de dívida que tem em agenda. Em resposta a várias questões enviadas pela SIC, por email, a agência diz que essa hipótese poderia mesmo ser positiva em termos de crédito.

  • "Mais vale dedicar-se à caça de Pokémons"
    2:05

    Economia

    É o desafio, ainda que indireto, de António Costa a Passos Coelho. Reagindo aos eventuais riscos de um novo resgate, o primeiro-ministro garantiu que ninguém vai conseguir encontrar o diabo anunciado pelo líder do PSD.

  • Assalto à base militar de Tancos
    0:42

    País

    Várias granadas e munições foram roubadas dos paióis da base militar de Tancos. A Polícia Judiciária Militar já está a investigar.

  • Detido antigo diretor regional do BES na Madeira

    Queda do BES

    Foi detido o antigo diretor do Banco Espírito Santo da Madeira, no âmbito do chamado processo ao Universo GES. João Alexandre Silva tinha sido também o representante do BES na Venezuela, onde a instituição portuguesa abriu várias agências em diversas cidades e tinha cerca de 7600 clientes domiciliados.

    Notícia SIC

  • Couves, arroz integral e bróculos biológicos com pesticidas sintéticos
    2:29
  • ASAE apreende leite com água oxigenada para fabrico de queijo

    Economia

    A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu leite com água oxigenada, destinado ao fabrico de queijo. As investigações decorreram nos últimos dois meses e foram dirigidas a vários produtores de leite. As investigações iniciaram-se com a deteção de uma viatura para transporte do leite sem qualquer sistema de refrigeração.

  • Crise na Venezuela faz aumentar casos de desnutrição infantil
    2:13
  • Mulher mata namorado em brincadeira com arma no Youtube

    Mundo

    Uma mulher do Minnesota, nos EUA, está a ser acusada de disparar mortalmente sobre o namorado quando ambos faziam um vídeo para publicar no Youtube. Monaliza Perez, de 20 anos, foi detida depois de disparar sobre Pedro Ruiz, que segurava um livro junto ao seu peito, confiante que seria o suficiente para parar a bala.

  • Comissão Europeia adota plano contra resistência a antibióticos

    Mundo

    A Comissão Europeia adotou, hoje, um plano para combater a resistência aos antibióticos, uma ameaça que mata anualmente 25 mil pessoas na União Europeia (UE) e custa 1,5 mil milhões de euros. Em paralelo ao plano, apresenta ainda regras para um "uso prudente de antibióticos".