sicnot

Perfil

Economia

Centeno afasta cenário de resgate e admite aumento dos impostos indiretos

Centeno afasta cenário de resgate e admite aumento dos impostos indiretos

O ministro das Finanças volta a admitir um aumento dos impostos indiretos no próximo ano. No Parlamento, onde está a ser ouvido, Mário Centeno garante que as alterações fiscais terão o mesmo padrão que tiveram este ano. Ou seja, vai continuar a reduzir o IRS, mas abre a porta a um novo aumento dos combustíveis, do tabaco e do álcool.

  • "Classes médias altas podem vir a pagar mais"
    5:08

    Opinião

    José Gomes Ferreira considera que o ministro das Finanças "fez um erro político complicado" ao admitir que estava a combater um problema iminente de um segundo resgate. Mário Centeno admitiu hoje no Parlamento também que os impostos indiretos podem aumentar. As "classes médias altas podem vir a pagar mais e classes médias baixas podem pagar menos", diz José Gomes Ferreira.

  • Mário Sem Tento

    Opinião

    Paulo Portas costuma contar uma história sobre os anos de brasa da troika. Em julho de 2011, tinha acabado de chegar ao seu novo gabinete no Palácio das Laranjeiras quando ouviu pela televisão a frase que iria moldar muita da sua ação, e que se tornou num mantra.

  • Regime transitório permite entrega de declaração de IRS conjunta
    0:57

    Economia

    A partir do próximo ano, os contribuintes que queiram entregar as declarações de IRS em conjunto mas que se atrasem na entrega, podem submetê-la na mesma. O governo vai acabar com a norma que estabelece que estes contribuintes estavam impedidos de o fazer em conjunto quando houvesse atraso. Para aqueles que foram prejudicados este ano por causa desta situação, vai ser criado um regime transitório.

  • Mário Sem Tento

    Opinião

    Paulo Portas costuma contar uma história sobre os anos de brasa da troika. Em julho de 2011, tinha acabado de chegar ao seu novo gabinete no Palácio das Laranjeiras quando ouviu pela televisão a frase que iria moldar muita da sua ação, e que se tornou num mantra.

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".