sicnot

Perfil

Economia

PSD e CDS questionam se Costa mandou Centeno apanhar Pokémons

© Lusa

O PSD e o CDS-PP questionaram esta quarta-feira se o primeiro-ministro, António Costa, não terá mandado o ministro das Finanças dedicar-se à caça de Pokémons, depois das declarações de Mário Centeno sobre um eventual novo resgate.

"Não sei se o senhor primeiro-ministro estava a mandar o senhor ministro da Finanças caçar Pokémons, porque acabou de dizer que quem fala de resgate deve dedicar-se à caça de Pokémons. Além de ter pouco nível na resposta, parece que é consigo, mas eu espero que não", criticou o deputado do PSD António Leitão Amaro, no parlamento.

Depois, durante o debate na Comissão parlamentar de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa, o deputado do CDS João Almeida considerou que "o senhor ministro das Finanças ou enganou o país ou enganou o primeiro-ministro".

"É que vendo alguns comentários do senhor primeiro-ministro relativamente a matérias que são da sua responsabilidade, designadamente sobre falar ou não de resgate, parece que o próprio ministro foi enganado sobre as previsões do senhor ministro", disse o deputado centrista.

As posições dos dois deputados no parlamento surgem depois de o primeiro-ministro ter defendido hoje que não tem o menor cabimento colocar-se um cenário de segundo resgate financeiro a Portugal e sugeriu que quem espera o "diabo" melhor fará em dedicar-se a caçar "pokémons", numa indireta ao PSD.

Interrogado pelos jornalistas sobre o facto de a agência de rating Moody's ter afastado um cenário de segundo resgate financeiro a Portugal, o líder do executivo respondeu: "Nunca estive intranquilo, porque sempre disse que não faz sentido, não tem qualquer cabimento, falar em qualquer tipo de resgate".

Mais à frente, numa alusão indireta às previsões económico-financeiras do PSD, António Costa declarou que "quem anda à procura de encontrar o diabo mais vale dedicar-se à caça de pokémons, porque caçar pokémons é mais fácil do que encontrar o diabo".

Na segunda-feira, o ministro das Finanças, Mário Centeno, disse, numa entrevista à estação televisiva norte-americana CNBC, que Portugal fará o necessário para evitar um segundo resgate financeiro.

Hoje, e interrogado sobre a entrevista pelo deputado do PSD Duarte Pacheco no parlamento, Mário Centeno esclareceu: "Limitei-me a responder a uma pergunta. Limitei-me a dizer qual é a política do Governo na área fiscal, na área das reformas e na área do sistema financeiro. São políticas consistentes com a estabilidade da economia portuguesa e no seu crescimento e é essa a preocupação do Governo".

Lusa

  • "Mais vale dedicar-se à caça de Pokémons"
    2:05

    Economia

    É o desafio, ainda que indireto, de António Costa a Passos Coelho. Reagindo aos eventuais riscos de um novo resgate, o primeiro-ministro garantiu que ninguém vai conseguir encontrar o diabo anunciado pelo líder do PSD.

  • Passos não comenta acusações de António Costa
    0:28

    País

    Em reação a António Costa, o líder o PSD recusa-se a comentar que o partido ande à caça de Pokémons, tal como disse esta manhã o primeiro-ministro. Relativamente à possibilidade de um novo resgate, Passos Coelho rejeita que tal hipótese deva ser considerada.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.