sicnot

Perfil

Economia

Recorde da produção nas centrais a gás mostra importância de investir

Um novo recorde na produção de eletricidade a partir de gás natural mostra que as infraestruturas têm que estar dimensionadas acima do consumo médio, para garantir abastecimento do consumo de ponta, defendeu esta sexta-feira a REN.

Em comunicado, a REN anunciou hoje o recorde de 3.344 MW na produção de eletricidade a partir de gás natural, com todos os grupos das centrais elétricas na rede, alcançado a 06 setembro, reflexo da vaga de calor registada no início de setembro, coincidente com a forte exportação de energia.

A empresa liderada por Rodrigo Costa considera que "este registo vem demonstrar o papel essencial das infraestruturas nacionais de gás natural na garantia de abastecimento dos consumos, e do setor elétrico em particular".

"As infraestruturas são por esta razão dimensionadas para garantir não só o consumo médio como também na perspetiva da segurança de abastecimento do consumo de ponta, como foi o caso", acrescenta na mesma nota a REN.

A REN, através da REN Gasodutos, detém a concessão para o transporte de gás natural em alta pressão, que inclui a gestão técnica global do Sistema Nacional de Gás Natural.

Já nos últimos meses, o segmento de produção de eletricidade a partir de gás (fonte não renovável) tem apresentado uma variação homóloga positiva e, em setembro, as afluências reduzidas nas hídricas também contribuiu para o recurso a esta alternativa.

O anterior máximo da produção elétrica em centrais a gás era de 3.176 MW e foi registado em março de 2011.

Já em março, o presidente executivo da REN, Rodrigo Costa, defendeu que a empresa tem que investir nas redes de transporte de eletricidade e de gás natural para dar resposta a um cenário de aumento da procura, depois de pareceres do regulador do setor recomendarem mais prudência nos investimentos a realizar nos próximos anos para não onerar os consumidores.

Lusa

  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC