sicnot

Perfil

Economia

Bruxelas analisa informação enviada por ex-comissária sobre documentos das Bahamas

A Comissão Europeia vai analisar as informações prestadas pela ex-comissária europeia Neelie Kroes, que terá administrado uma empresa sediada numa offshore, nas Bahamas, entre 2000 e 2009, em violação do código de conduta do executivo comunitário.

"Vamos analisar e verificar a informação antes de fazermos quaisquer comentários", disse, na conferência de imprensa diária, o porta-voz da Comissão Europeia, Margaritis Schinas.

A ex-comissária europeia já fez chegar a Bruxelas esclarecimentos sobre as suas atividades como administradora de uma sociedade offshore sediada nas Bahamas, entre 4 de julho de 2000 e 1 de outubro de 2009, quando tinha a pasta da Concorrência, na Comissão Barroso.

Neelie Kroes violou o código de conduta dos comissários europeus pelo simples facto de não ter comunicado esta atividade na declaração de interesses.

Novas revelações feitas sobre praças financeiras offshore, desta vez sobre as Bahamas, em particular sobre administradores de empresas aqui sediadas, indicam a presença de 28 portugueses, uma ex-vice-presidente da Comissão Europeia e uma ministra britânica.

A informação, disponibilizada em Portugal nos sites do Expresso e da TVI, respeita a "1,3 milhões de ficheiros relativos a 176 mil companhias e incluem os nomes de 25 mil administradores e funcionários nomeados por essas (sociedades) offshore ao longo dos anos", indicou o semanário.

Os dados foram recebidos pelo jornal alemão Suddeutsche Zeitung e o Consórcio Internacional dos Jornalistas de Investigação, baseado em Washington, que os estão a divulgar na internet.

Lusa

  • "A nossa lei tem demasiados buracos"
    0:44

    País

    Rui Cardoso acusa a classe política de não querer resolver os problemas da corrupção em Portugal. Entrevistado na Edição da Noite da SIC Notícias o magistrado do Ministério Público considera que ainda há um longo caminho a percorrer no combate à corrupção.

  • Salah Abdeslam deixa cadeira vazia na leitura da sua sentença
    2:05

    Mundo

    O único suspeito vivo dos ataques de Paris em 2015 foi esta segunda-feira condenado a 20 anos de prisão por um tribunal belga, num processo paralelo: um tiroteio em março de 2016, em Bruxelas. Tanto Salah Abdeslam como o cúmplice não quiseram estar na leitura da sentença. O julgamento de Salah Abdeslam pelos ataques de Paris só deverá acontecer no próximo ano, em França.

  • Beyoncé e a irmã caem e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Cientistas querem sequenciar genomas de 15 milhões de espécies

    Mundo

    Um consórcio internacional de cientistas, que por enquanto não inclui portugueses, propõe-se sequenciar, catalogar e analisar os genomas (conjuntos de informação genética) de 15 milhões de espécies, uma tarefa que levará dez anos a fazer, foi divulgado esta segunda-feira.