sicnot

Perfil

Economia

Segundo maior banco alemão vai despedir 5.000 trabalhadores

O Commerzbank, o segundo maior banco da Alemanha, pretende acabar com 5.000 postos de trabalho, o que supõe reduzir cerca de 10% dos seus trabalhadores, divulgou esta sexta-feira a agência de notícias EFE Dow Jones.

A administração do banco alemão quer acabar com uma das suas divisões, o que faz parte do plano de restruturação estratégico para enfrentar os problemas de rentabilidade devido às baixas taxas de juro, disseram fontes próximas das operação.

O segundo maior banco alemão em capitalização vai anunciar no final da próxima semana a nova estratégia da instituição financeira, o que será feito pelo novo presidente-executivo, Martin Zielke.

Zielke, que substituiu Martin Blessing este ano, espera sobretudo dispensar trabalhadores administrativos, esclareceu uma das fontes.

A filial do Commerzbank que se dedica a tratar dos clientes de média dimensão, é um dos quatro negócios que vão ser extintos com a nova estratégia que será posta em prática.

Os clientes mais pequenos, com rendimentos anuais inferiores a cinco milhões de euros, serão transferidos para a banca de retalho, enquanto os clientes com grandes rendimentos anuais irão para a banca de investimento.

Lusa

  • Proteção Civil desmobiliza meios em Setúbal

    País

    A Proteção Civil vai começar a desmobilizar, hoje à tarde, meios de combate ao incêndio que deflagrou na terça-feira em Setúbal e que já está em fase de rescaldo, disse à agência Lusa o vereador da Proteção Civil Municipal.

  • Marcelo lembra ditadura para deixar elogios à liberdade de imprensa e separação de poderes
    0:29
  • Portugal condenado por decisão "discriminatória e preconceituosa"
    1:19

    País

    Portugal voltou a ser condenado pelo Tribunal Europeu dos Direitos do Homem, desta vez por causa de uma decisão discriminatória e preconceituosa. Trata-se do caso da mulher a quem o Supremo Tribunal Administrativo baixou o valor de uma indemnização por negligência médica. Entre os vários argumentos usados, os juízes portugueses consideraram que a sexualidade é menos importante quando se tem 50 anos e dois filhos.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26

    País

    O candidato do PSD à Câmara Municipal de Loures, André Ventura, foi entrevistado esta terça-feira na Edição da Noite da SIC Notícias. Em análise, a polémica em torno das declarações do candidato sobre a comunidade cigana.

    Entrevista SIC Notícias

  • Rajoy nega conhecimento de financiamentos ilegais no PP

    Mundo

    O primeiro-ministro espanhol negou hoje ter conhecimento de um esquema ilegal de financiamento, que envolve vários responsáveis do Partido Popular (PP, direita), que lidera. Durante uma audição no tribunal, Mariano Rajoy garantiu ainda que não aceitou nenhum pagamento ilícito.