sicnot

Perfil

Economia

Confiança dos consumidores aumenta e clima económico estabiliza

© Reuters

O indicador de confiança dos consumidores aumentou em setembro, após ter diminuído nos três meses anteriores, e o clima económico estabilizou, depois de ter crescido em julho e agosto, divulgou esta quarta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com o INE, o indicador de confiança dos consumidores (calculado através de inquéritos a particulares) recuperou em setembro para os -12,4 pontos (-13,3 pontos em agosto e -13,0 pontos em julho).

"A recuperação do indicador de confiança dos consumidores em setembro deveu-se ao contributo positivo de todas a componentes, perspetivas relativas à evolução da situação económica do país, da situação financeira do agregado familiar, da poupança e do desemprego", refere o INE.

O indicador de clima económico (calculado através de inquéritos a empresas de vários setores de atividade), por sua vez, estabilizou em setembro nos 1,4 pontos, depois de ter aumentado em julho e em agosto (para 1,3 e 1,4 pontos, respetivamente).

"No mês de referência, o indicador de confiança estabilizou na indústria transformadora, verificando-se aumentos na construção e obras públicas, no comércio e nos serviços", reporta o INE.

Segundo o instituto, o indicador de confiança da indústria transformadora "estabilizou, após ter aumentado de forma ligeira entre junho e agosto, verificando-se um ligeiro contributo positivo dos saldos das opiniões sobre a procura global e das apreciações sobre a evolução dos stocks de produtos acabados e um ténue agravamento das perspetivas de produção".

Já o indicador de confiança da construção e obras públicas aumentou entre julho e setembro "em resultado, no último mês, do contributo positivo das duas componentes, opiniões sobre a carteira de encomendas e perspetivas de emprego", enquanto o indicador de confiança do comércio "tem vindo a aumentar desde abril, refletindo nos últimos dois meses o contributo positivo do saldo das opiniões sobre o volume de 'stocks' e sobre o volume de vendas".

Quanto ao indicador de confiança dos serviços, aumentou em setembro e agosto, após ter diminuído nos três meses anteriores, "devido à evolução positiva das apreciações sobre a evolução da carteira de encomendas e sobre a atividade da empresa".

Os indicadores de confiança do INE são calculados através de médias móveis de três meses dos saldos de respostas extremas a inquéritos. Um número negativo significa que houve mais respostas pessimistas do que otimistas.

Não considerando médias móveis de três meses, o indicador de confiança na indústria transformadora recuperou em setembro.

Lusa

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.