sicnot

Perfil

Economia

Portugueses reembolsam antecipadamente 2,6 mil ME de crédito à habitação em 2015

Os portugueses reembolsaram antecipadamente 2,6 mil milhões de euros referentes a crédito à habitação em 2015, segundo a informação divulgada esta sexta-feira pelo Banco de Portugal, valores bem acima dos registados em anos anteriores.

De acordo com o Boletim Económico de outubro, os pagamentos antecipados de empréstimos para a compra de casa foram mais significativos para os contratos celebrados entre 2011 e 2014, anos em que os bancos cobravam custos elevados para emprestar dinheiro.

"No atual contexto de taxas de juro muito baixas, uma parte importante dos reembolsos antecipados poderá estar relacionada com o facto de algumas famílias endividadas desejarem aproveitar a oportunidade atual para amortizar dívidas cujos spreads (margem de lucro do banco) são relativamente elevados", lê-se no documento.

O Banco de Portugal sugere que parte dos reembolsos antecipados que são feitos se deverá a transferências de créditos para outros bancos em que os clientes "poderão ter obtido condições de financiamento mais vantajosas", o que também demonstra um aumento da concorrência dos bancos no mercado de crédito à habitação.

OS 2,6 mil milhões de euros reembolsados antecipadamente em 2015 de empréstimos à habitação representavam cerca de 2,5% do saldo em dívida no final de 2014.

Lusa

  • Costa de Metro de Odivelas para Lisboa para relembrar corrida entre burro e Ferrari
    2:55

    Autárquicas 2017

    António Costa começou hoje o dia de campanha em Odivelas, para uma viagem de Metro até Lisboa, em que recordou a célebre corrida entre um burro e um Ferrari que protagonizou em 1993 quando foi canditado do PS à Câmara de Loures. Foi nesta cidade, onde ontem à noite, que desferiu um violento ataque a Pedro Passos Coelho, acusando-o de transformar o PSD num partido que não é digno de um Estado democrático.

  • O aeroporto de Beja, um "elefante branco" na planície alentejana
    4:33
  • Paciente há 15 anos em estado vegetativo consegue seguir objetos e mexer a cabeça

    Mundo

    Um homem de 35 anos, que ficou em estado vegetativo após um acidente de viação há 15 anos, deu sinais de consciência depois de lhe ter sido aplicada uma nova técnica de estimulação nervosa. Cirurgiões implantaram no paciente um pequeno aparelho que estimula o nervo vago, responsável pela ligação nervosa entre o cérebro e o resto do corpo. A intervenção aconteceu em França e a descoberta foi publicada na revista científica Current Biology.