sicnot

Perfil

Economia

BPI cede maioria do Banco de Fomento de Angola à Unitel

A Unitel vai passar a controlar a maioria do capital do Banco de Fomento Angola (BFA), depois de expressar o seu acordo com os termos propostos pelo BPI em meados de setembro, anunciou hoje a instituição bancária portuguesa.

Em comunicado colocado hoje no sítio na internet da Comissão do Mercado de valores Mobiliários, o BPI detalhou que aquele acordo vai traduzir-se na venda de 2% do capital social do BFA à Unitel, que passa a ter 51,9% e o BPI 48,1%.

Esta operação depende de algumas condições, designadamente o recebimento pelo BPI do preço acordado (28 milhões de euros), em Portugal.

Lusa

  • BPI com lucros de 105,9M€ no primeiro semestre

    Economia

    O Banco BPI registou um resultado líquido de 105,9 milhões de euros entre janeiro e junho, uma subida homóloga de 39,1% face ao lucro apurado em igual período do ano passado, revelou hoje a instituição. A atividade doméstica deu um contributo de 24,5 milhões de euros e a atividade internacional de 81,4 milhões de euros, dos quais 79,1 milhões de euros provenientes do Banco de Fomento Angola (BFA).

  • À redescoberta da Madeira, 16 anos depois
    1:59
  • Esquerda contra a venda do Novo Banco
    1:51

    Economia

    O futuro do Novo Banco promete agitar a maioria de esquerda nas próximas semanas. O Bloco de Esquerda e o PCP estão contra os planos de privatização e insistem que a solução é nacionalizar o banco. O Bloco de Esquerda defende que privatizar 75% é o pior de dois mundos. Já o PCP diz que o banco deve ser integrado no setor público.

  • Identificadas 10 mil vítimas de violência em 2016
    1:32

    País

    Há cada vez mais homens e idosos a pedirem ajuda à Associação Portuguesa de Apoio à Vítima. Segundo o relatório anual da APAV conhecido esta segunda-feira, foram identificadas quase 10 mil vítimas de violência no ano passado. Cerca de 80% são mulheres casadas e com cerca de 50 anos.