sicnot

Perfil

Economia

Administração do BPI considera OPA do CaixaBank "oportuna" e "amigável"

O Conselho de Administração do BPI considera que a Oferta Pública de Aquisição (OPA) lançada pelo espanhol CaixaBank é "oportuna", na medida em que "pode reforçar a capacidade" do banco para enfrentar os desafios e oportunidades do setor.

"O Conselho de Administração entende que a Oferta do CaixaBank é oportuna, na medida em que pode reforçar a capacidade do BPI para enfrentar os desafios e oportunidades que se colocam ao setor bancário, designadamente a pressão significativa sobre as fontes de receitas, crescentes exigências de capital, aumento dos custos regulatórios, transformação digital e consolidação", lê-se no relatório do Conselho de Administração divulgado esta quinta-feira.

No documento, divulgado através da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o Conselho de Administração considera a oferta "amigável, por provir de uma instituição financeira de grande credibilidade, que é acionista do BPI desde 1995", e avalia a consolidação do BPI no CaixaBank como "potencialmente positiva".

Esta consolidação poderá contribuir, segundo o Conselho de Administração, para "o BPI manter o seu estatuto como entidade independente", as suas parcerias de banca/seguros com o Grupo Allianz e os "princípios que tem seguido na sua política de recursos humanos".

O Conselho de Administração afirma também que, "no momento atual, a determinação de um preço para o BPI é particularmente difícil, tendo em conta alguns fatores que não tem possibilidade de quantificar".

Em 21 de setembro, o CaixaBank lançou uma nova OPA sobre a totalidade do capital do BPI, oferecendo 1,134 euros por cada ação.

Lusa

  • Guterres condena onda de violência em Myanmar
    0:43

    Mundo

    António Guterres condenou a onda de violência e discriminação contra os rohingya em Myanmar, na abertura da assembleia-geral das Nações Unidas. O secretário-geral da ONU pediu ainda às autoridades do país para acabarem com as operações militares e protegerem a comunidade ameaçada.

  • Furacão Maria deixa rasto de destruição na ilha Dominica
    1:52
  • Peritos mundiais debatem doenças neurodegenerativas em Lisboa
    3:04
  • "O Benfica é atacado e não há ninguém que fale e que dê a cara?"
    6:05
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    Depois do artigo publicado no blog "Geração Benfica", Rui Gomes da Silva reiterou esta segunda-feira, em O Dia Seguinte da SIC Notícias, algumas das críticas à estrutura do clube. O antigo vice-presidente do Benfica defendeu Luís Filipe Vieira, Rui Vitória e Nuno Gomes. E acusou novamente Rui Costa de passividade e os vice-presidentes de não darem a cara. 

  • Governo aconselha pais a fazerem queixa de manuais em mau estado
    2:31
  • Acha que este padre sabe dançar?
    2:22