sicnot

Perfil

Economia

Pescadores esperam aumento da quota da sardinha em 2017

© Tyrone Siu / Reuters

A frota de cerco vai suspender a pesca da sardinha a partir de quarta-feira mas espera poder aumentar a quota para mais 3 a 4 mil toneladas a partir de 2017, atendendo à "boa" recuperação do recurso.

A expectativa é, "no mínimo", mais 3 a 4 mil toneladas de sardinha para os pescadores portugueses, embora para o setor "o ideal" fosse ir até às 20 mil toneladas, disse à Lusa o presidente da Associação das Organizações de Produtores da Pesca do Cerco (uma arte de pesca dirigida a espécies como a sardinha, o carapau ou a cavala), Humberto Jorge.

A quota de sardinha ibérica, gerida em conjunto por Portugal e Espanha, fixou-se este ano nas 17 mil toneladas, cabendo a Portugal cerca de dois terços do total, ou seja, aproximadamente 11.500 toneladas, um valor inferior às 13.500 toneladas atribuídas em 2015.

No entanto, o facto de a pesca ter começado mais tarde (em maio) e de o limite de capturas diárias ter sido reduzido permitiu prolongar as capturas até meados de outubro.

"A quota esfumou-se em pouco tempo", desabafou Humberto Jorge, sublinhando que "não houve um aumento" das possibilidades de captura em 2016.

Apesar de tudo, os pescadores não foram penalizados no rendimento, beneficiando da concentração da pesca num período mais curto e "na época em que a sardinha é mais valorizada", ou seja, nos meses de junho, julho e agosto.

Segundo adiantou o responsável da Anopcerco, a pesca dirigida à sardinha vai ser proibida às 00:00 de quarta-feira, sendo apenas permitidas capturas acessórias, que não podem ultrapassar 5% das capturas a bordo até um máximo de 150 quilos.

Humberto Jorge lamentou a escassez de apoios aos pescadores, salientando que, em alguns portos, onde a principal espécie é a sardinha, as embarcações "ficam imobilizadas muito tempo".

Após o esgotamento da quota, seguem-se períodos de defeso e de capturas condicionadas, pelo que "o mais previsível é só recomeçar a pesca da sardinha em maio de 2017".

Para o ano, "se tudo correr de acordo com os pareceres científicos que demonstram que o recurso está a recuperar", os pescadores de sardinha esperam ter boas novidades e conseguir um aumento da quota.

Fonte do ministério do Mar disse à Lusa que vão ser adotadas medidas de apoio socioeconómico, com financiamento do programa comunitário MAR2020, "contemplando uma paragem da frota de cerco nos meses de novembro e dezembro", mas não se pronunciou sobre a possibilidade de aumento da pesca da sardinha em 2017.

Lusa

  • Constitucional chumba algumas normas da lei de barrigas de aluguer

    País

    O Tribunal Constitucional chumbou algumas normas do acórdão sobre as barrigas de aluguer. De acordo com o Expresso, a decisão já foi comunicada à Assembleia da República. A obrigatoriedade da regulamentação da lei ser feita pelo Parlamento e não pelo Governo terá sido unânime.

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • A história do bebé que continua a lutar pela vida depois do tribunal ter desligado as máquinas

    Mundo

    Alfie Evans sofre de uma doença cerebral degenerativa. A sua condição levou o caso à justiça e, depois de uma batalha judicial entre os pais e o hospital, os juízes determinaram que as máquinas do suporte artificial de vida fossem desligadas. Apesar de os aparelhos terem sido desligados na segunda-feira à noite, segundo os pais, a criança de 23 meses continua a lutar pela vida, respirando sozinha.

    SIC

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17
  • O recado de Donald Trump à Coreia do Norte 

    Mundo

    O Presidente norte-americano, Donald Trump, exortou Pyongyang a eliminar todo o seu arsenal nuclear, precisando o que queria dizer exatamente ao apelar para a "desnuclearização" do regime totalitário, antes de uma aguardada cimeira com o líder norte-coreano.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31