sicnot

Perfil

Economia

Governo italiano aprovou decreto para resgatar bancos

© Alessandro Bianchi / Reuters

O Governo italiano aprovou, na noite de quinta-feira, um decreto que destina 20 mil milhões de euros para apoio de instituições bancárias com problemas financeiros, como o Banca Monte dei Paschi di Siena (MPS).

Depois de um conselho de ministros extraordinário que começou às 22:35 (hora de Lisboa) de quinta-feira, o primeiro-ministro italiano, Paolo Gentiloni, confirmou, em conferência de imprensa, a aprovação do mencionado decreto, para o qual já tinha obtido a aprovação parlamentar na quarta-feira.

A reunião do governo decorreu da incapacidade de o banco conseguir os cinco mil milhões de euros necessários à sua recapitalização.

O terceiro estabelecimento financeiro italiano e o mais antigo do planeta está, desde há meses, no centro das inquietações com o sistema bancário italiano, devido em particular ao peso da sua carteira de crédito malparado, empréstimos que provavelmente nunca serão reembolsados.

Na quarta-feira, o parlamento aprovou um pedido do governo de aumento da dívida pública em 20 mil milhões de euros, para ajudar os bancos.

Os bancos italianos são fonte de preocupação, tanto devido à sua dispersão - existem cerca de 700 -, como à dimensão do crédito malparado, que está estimado em 360 mil milhões de euros, cerca de um terço do total da Zona Euro, ou ainda ao seu défice de capitalização.

Há anos que o banco MPS alimenta preocupações. Fragilizado pela aquisição desastrosa do banco Antonveneta, depois por um escândalo de corrupção, acumula perdas, que ascenderam a 14 mil milhões de euros, entre 2011 e 2015.

Lusa

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • O Nokia 3310 está de volta
    1:16

    Economia

    A Nokia chegou a ser uma das maiores empresas do mundo devido ao fabrico de telemóveis. Caiu, mas acaba de fazer renascer um dos sucessos de vendas do início do milénio. O anúncio foi feito este domingo, em Barcelona.