sicnot

Perfil

Economia

SNS fecha ano com saldo negativo mas reduz prejuízo em 172 milhões de euros

Francisco Seco

O saldo do Serviço Nacional de Saúde melhorou em 172 milhões de euros em 2016 face ao ano de 2015. De acordo com a Execução Orçamental, no fecho do ano registou-se um défice de 199 milhões, quando no mesmo período em 2015 se tinha registado um défice de 371 milhões.

O Diário de Notícias diz que segundo a Execução Orçamental, a variação positiva da receita registada em dezembro em relação ao mês anterior, resultou de transferências vindas do Orçamento do Estado, a que se somam as receitas das vendas de bens e serviços correntes.

Do lado da despesa, o aumento deveu-se a custos com a reposição de vencimentos e mais profissionais no serviço nacional de saúde.

  • António Costa evita perguntas sobre estágios não remunerados
    1:55
  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.