sicnot

Perfil

Economia

Iberdrola assina hoje projeto de construção do Sistema Eletroprodutor do Tâmega

Andres Kudacki

A Iberdrola apresenta esta quinta-feira o Sistema Eletroprodutor do Tâmega. Este é um investimento de 1.500 milhões de Euros que contempla a construção de três barragens: Daivões, Gouvães e Alto Tâmega.

A Iberdrola é uma empresa espanhola de produção de energia através de fontes renováveis e o lançamento deste projeto remonta a 2008, quando a empresa "entregou" 303 milhões de euros ao Governo de Sócrates.

O plano inicial era construir no Tâmega um complexo hidroelétrico com quatro centrais: Gouvães, Alto Tâmega, Daivões e Padroselos. A última acabou por ser retirada do projeto por questões ambientais.

Em 2014, a Iberdrola firmou o contrato de concessão, mas só agora o projeto começa a sair do papel. Esta quinta-feira a Iberdrola assina formalmente o arranque das construções para as barragens, que ficarão na sua "mão" durante 70 anos.

O projeto inclui a construção de duas cavernas onde serão colocados quatro geradores de 220 kilowatts cada e vários transformadores.

A empresa espera que este projeto crie no norte de Portugal mais de 13 mil empregos, diretos e indiretos, sublinhando que se trata do maior projeto industrial no setor elétrico português.

  • Barragens da Iberdrola são "uma fraude", denuncia Joanaz de Melo
    0:48

    Opinião

    O professor de Engenharia do Ambiente, Joanaz de Melo, diz que a construção de três barragens pelos espanhóis da Iberdrola no norte do país "é uma fraude" que vai encarecer a fatura da luz entre 2% a 3%. Segundo o presidente do Grupo de Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente (GEOTA), o empreendimento é irrelevante na produção de energia elétrica e vai afectar a economia local do Tâmega.

  • "Há alternativas muitíssimos melhores"
    6:30

    Edição da Manhã

    A Iberdrola apresenta hoje o Sistema Eletroprodutor do Tâmega, um investimento de 1.500 milhões de Euros que contempla a construção de três barragens: Daivões, Gouvães e Alto Tâmega. Joanaz de Melo, do GEOTA, esteve na Edição da Manhã de hoje para falar sobre o projeto.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Guterres apela à Coreia do Norte para cumprir resoluções

    Mundo

    O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, apelou este sábado ao ministro do Exterior da Coreia do Norte, Ri Yong Ho, para o cumprimento das resoluções que o Conselho de Segurança impôs ao país em resposta à sua escalada armada.

  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.