sicnot

Perfil

Economia

Contribuintes devem inserir despesas com cantinas na declaração de IRS

Com a campanha "Fica na Linha", a Deco pretende sensibilizar crianças e jovens e os pais para os benefícios de uma alimentação saudável, mas também prática, variada e sem grandes custos (Arquivo Reuters)

reuters

As despesas com refeições escolares feitas em 2016 estão fora do 'e-fatura', devem ser inseridas na declaração de IRS e segundo uma regulamentação que será aprovada brevemente, disse o Ministério das Finanças à agência Lusa.

Com o Orçamento do Estado para 2017 foi introduzida uma medida transitória para que as despesas feitas em cantinas voltem a ser dedutíveis, "independentemente da entidade que presta o referido serviço e da taxa de IVA aplicada, com as necessárias adaptações e de acordo com os procedimentos a definir pelo Governo".

Questionada pela Lusa, fonte do Ministério das Finanças disse que "a regulamentação da norma em causa será aprovada brevemente e não prevê qualquer interação dos contribuintes no e-fatura".

Embora os contribuintes tenham até quarta-feira para inserir e validar despesas no portal e-fatura, as despesas com cantinas devem ser somadas às restantes de educação e inseridas depois manualmente no momento da entrega da declaração de Imposto sobre o Rendimento de pessoas Singulares (IRS).

Este ano, o período de entrega da declaração de IRS decorre entre 1 de abril e 31 de maio e é igual para os diferentes tipos de rendimento e para as diferentes formas de entrega (via internet ou em papel).

Segundo as Finanças, os valores em causa devem ser inseridos no quadro 6C do Anexo H (referente aos benefícios fiscais e deduções) da declaração de IRS.

Este quadro serve para que os contribuintes que não concordem com os valores apurados no e-fatura possam inscrever, manualmente, "todas as despesas suportadas pelo agregado familiar, por titular, incluindo aquelas cujos valores são iguais aos comunicados pela Autoridade Tributária".

Ao exercer esta opção, "apenas serão consideradas as despesas inscritas neste quadro", afirma o Fisco.

Os contribuintes têm até quarta-feira para validar e confirmar as faturas de 2016 no portal e-fatura, que vão servir de base às deduções em IRS referentes a esse ano.

Entre 1 e 15 de março será possível consultar, no Portal das Finanças, e reclamar das despesas gerais e familiares, bem como das despesas com direito à dedução do IVA pela exigência da fatura, que foram comunicadas ao Fisco, no endereço https://irs.portaldasfinancas.gov.pt.

Lusa

  • Carro que atropelou adepto encontrado numa garagem na Amadora
    1:51

    Desporto

    O carro que atropelou o adepto da Fiorentina, junto ao Estádio da Luz, está nas mãos da Polícia Judiciária. O automóvel foi encontrado esta terça-feira por uma brigada da PSP na garagem de um casa da Amadora, que pertence a um elemento da claque dos No Name Boys.

  • Portugal subiu cinco lugares no Ranking da Liberdade de Imprensa
    1:42

    País

    Portugal está agora na 18 ª posição em 180 países no relatório deste ano dos Repórteres Sem Fronteiras. Esta associação revela que a imprensa portuguesa foi condenada 21 vezes por violação de liberdade de expressão e por difamação pelo Tribunal Europeu dos Direitos do Homem.

  • A SIC foi dar uma volta de bicicleta

    País

    Há 90 anos, cerca de 40 ciclistas partiam do Marquês de Pombal, em Lisboa, para a primeira etapa da 1.ª Volta a Portugal de Bicicleta. Hoje, um grupo de investigadores repete o percurso, até Setúbal, dando início a uma viagem que pretende incentivar o uso da bicicleta como meio de transporte no dia-a-dia. Um jornalista da SIC segue no pelotão e pode acompanhar a viagem em direto no Facebook da SIC Notícias.

    SIC