sicnot

Perfil

Economia

2,8%: o "xeque-mate" à narrativa de Passos

2,8%: o "xeque-mate" à narrativa de Passos

Crescimento faz-se sobretudo de exportações e de investimento. Ou seja, vai no caminho inverso ao que António Costa defendia e que assentava sobretudo no consumo. Mas a a verdade é que dupla Costa/Centeno teve a habilidade de mudar a agulha e prova que a Geringonça-que-assustava-investidores afinal consegue por o país a crescer. Passos Coelho pode reclamar créditos passados, mas a sua margem política é cada vez mais reduzida. Costa faz "xeque-mate".

  • Família perde tudo na aldeia de Queirã
    2:32
  • Temperaturas sobem no fim de semana, risco de incêndio aumenta
    1:08

    País

    A chuva que caiu nos últimos dias não deverá ter impactos relevantes na dominuição da seca e, por isso, o risco de incêndios vai voltar a aumentar com nova subida das temperaturas. Os termómetros podem chegar aos 30 graus entre domingo e quarta-feira.

  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão