sicnot

Perfil

Economia

Taxa de inatividade aumenta em Portugal para 41,5% em 2016

A taxa de inatividade, relativa à população não empregada nem desempregada, estudantes, domésticos ou reformados, aumentou ligeiramente em Portugal para os 41,5%, de acordo com os dados hoje disponibilizados pela Pordata.

Segundo a informação recolhida pelo portal estatístico da Fundação Francisco Manuel dos Santos, em 2016 a taxa de inatividade subiu para os 41,5%, dos 41,3% observados em 2015, e nas mulheres a taxa aumentou dos 46,2% para os 46,5%.

Nos homens, a taxa manteve-se nos 35,8%.

No "Retrato de Portugal 2017", lançado hoje no âmbito do Dia Mundial da População, a Pordata refere que, do total de inativos contabilizados no ano passado, 1,764 milhões são reformados, 818 mil são estudantes e 399,6 mil são domésticos.

Lusa

  • AR começa hoje a votar OE e mais de 600 alterações dos partidos

    Economia

    Entre os temas que deverão marcar os próximos dias de debate e das votações relativas à proposta orçamental de 2018, cuja votação final global será na segunda-feira, estão as medidas relacionadas com os incêndios, as alterações ao regime simplificado de IRS, as carreiras na função pública (e em especial a dos professores) e as cativações de despesa.

  • "Estamos vivos"
    11:41
  • Notas e moedas têm os dias contados?
    6:27
  • Costa reforça apoio à transição democrática na Tunísia
    1:36

    Mundo

    As exportações portuguesas para a Tunísia têm vindo a crescer e o país ocupa já a 30.ª posição na lista de maiores compradores. António Costa está de visita a Tunes, na Tunísia, para uma cimeira entre os dois países, onde reforçou o apoio à transição democrática na Tunísia, como explica o enviado da SIC Ricardo Madeira Silva.

    Enviados SIC