Economia

Mário Centeno ansioso por assumir presidência do Eurogrupo 

Mário Centeno ansioso por assumir presidência do Eurogrupo 

Mário Centeno foi esta segunda-feira eleito o novo Presidente do Eurogrupo, o ministro das Finanças português conseguiu vencer à segunda ronda de votações. Centeno diz que está ansioso por começar a trabalhar no Eurogrupo e afirma que para Portugal, esta é uma distinção sem paralelo. Já Marcelo Rebelo de Sousa diz que não é tempo para aventuras nem para descuidos, o Presidente da República sublinha que as finanças nacionais têm de estar em primeiro lugar. 

  • Os desafios de Centeno no Eurogrupo
    1:42

    Economia

    Mário Centeno promete transformar o Eurogrupo e torná-lo mais transparente. Contudo, o ministro das Finanças português tem pela frente muitos desafios: é preciso preparar as economias do Euro para o fim das ajudas do Banco Central Europeu e vai ter de liderar processos que, muitas vezes, podem ser contrários à vontade nacional.

  • Sporting com contas penhoradas
    1:40

    Desporto

    O Sporting tem as contas bancárias no Novo Banco e na Caixa Geral de Depósitos penhoradas, por Dívidas ao fisco que atingem os 40 milhões de euros. O Expresso avança que, neste momento, o clube apenas tem disponíveis as contas no Millenium BCP.

  • Sócrates defende Pinho e critica Parlamento

    País

    José Sócrates saiu em defesa do seu antigo ministro da Economia, Manuel Pinho. Num artigo de opinião publicado no Expresso, o ex-primeiro-ministro aponta o dedo ao presidente do PSD e ao líder parlamentar do PS.

  • PP espanhol elege o líder mais jovem de sempre

    Mundo

    O novo presidente do Partido Popular (PP) espanhol, Pablo Casado, com 37 anos, é o líder mais jovem que este partido já teve na sua curta história, sendo visto por muitos como defensor da ala mais conservadora e tradicional.

  • ONU alerta para nova perigo de guerra em Gaza
    1:31

    Mundo

    Israel e o Hamas acordaram um cessar-fogo após nova escalada de violência em gaza que levou à morte de cinco pessoas: quatro palestinianos e um soldado israelita nos violentos ataques de ontem. As Nações Unidas alertam para os perigos de uma nova guerra na região.