sicnot

Perfil

Economia

Banco CTT assume gestão da Payshop e reforça desenvolvimento da plataforma

O Banco CTT, do grupo CTT, anunciou hoje que irá passar a gerir a Payshop, "com o objetivo de reforçar o desenvolvimento dessa plataforma de pagamentos e a oferta de novos serviços e produtos integrados".

O anúncio surge no mesmo dia em que a Comissão de Trabalhadores dos CTT disse, no parlamento, que a empresa estava a analisar a "integração da Payshop no Banco CTT".

"Esta alteração permitirá ao Banco CTT aumentar a proximidade com os seus clientes através da rede física da Payshop, que conta com mais de 4.000 agentes, a qual irá complementar a rede de 208 balcões as plataformas digitais da instituição financeira", refere o banco.

"Desta forma, o Banco CTT posiciona-se cada vez mais como um operador de relevo e proximidade na área dos serviços financeiros e dos pagamentos", acrescentou a entidade financeira.

A marca Payshop vai ser mantida, adianta o Banco CTT, acrescentando que está previsto "para breve o lançamento de novas soluções na área dos pagamentos".

A Payshop, a segunda maior rede de pagamentos em Portugal, permite o pagamento de variados serviços, como a água, eletricidade ou gás, compras na internet, carregamento de telemóveis, passes e títulos de transporte, fazer donativos, entre outros.

"Em 2017, a rede Payshop realizou mais de 30 milhões de operações, num volume global de transações superior a 700 milhões de euros", adiantou o Banco CTT, em comunicado.

"Desde o início da sua atividade que o Banco CTT, e o seu único acionista, quiseram lançar uma oferta inovadora, diferenciadora e de proximidade. Esta proposta de valor tem-se mostrado bem-sucedida e apelativa para todas as faixas etárias, com destaque para a forte adesão da população jovem e em idade ativa, que no seu conjunto representa cerca de 85% da base de clientes do banco", aponta a instituição financeira do grupo CTT.

"A integração da Payshop no Banco CTT enquadra-se na estratégia dos CTT de reforçar a área dos serviços financeiros, a qual, a par das encomendas, irá conduzir o crescimento futuro. Os CTT podem-se orgulhar de deter esta plataforma única em Portugal que é a Payshop e estamos certos que esta reorganização dentro do Grupo irá permitir levá-la ainda mais longe, reforçando a proximidade que tem com todos os clientes", refere o presidente executivo dos CTT e presidente do Conselho de Administração do Banco CTT, Francisco de Lacerda, citado em comunicado.

Já Luís Pereira Coutinho, presidente executivo Banco CTT, acrescentou que "a Payshop será potenciada pelo Banco CTT, na adaptação da plataforma a redes digitais, no reforço da sua proximidade a todos os portugueses e na prestação de serviços ainda mais completos e diversificados".

Lusa

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • Chegaram os brinquedos de cartão para a consola
    6:24
  • O 10 de julho de 1941 na escrita de João Pinto Coelho
    15:09
  • Governo promete melhorar condições de 26 mil famílias
    1:23

    País

    O ministro do Ambiente explicou esta terça-feira, no Parlamento, as novas medidas para a habitação: reduzir os impostos para arrendamentos longos, melhorar as condições de 26 mil famílias e introduzir o arrendamento vitalício para maiores de 65 anos. Este é um investimento que vai chegar aos 1700 milhões de euros.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31
  • Peixe-galo e batatas rosti, qual o cardápio do encontro entre os líderes das Coreias?

    Mundo

    O menu do encontro entre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e o Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, já foi dado a conhecer esta terça-feira. Através do site oficial do Governo, Seul anunciou um cardápio com vários pratos típicos da Península da Coreia, como dumplings ao vapor, arroz cultivado na Coreia, carne grelhada, salada fria com polvo, peixe-galo, batatas rosti e sopa fria.

    SIC

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17