sicnot

Perfil

Economia

Economia britânica está na "menopausa", afirma o vice-governador do Banco de Inglaterra

Ben Broadbent, vice-governador do Banco de Inglaterra.

Neil Hall/ Reuters

O vice-governador do Banco de Inglaterra foi alvo de várias críticas depois de ter afirmado que a economia britânica está na fase de "menopausa", após ter passado por um período de grande produtividade. A expressão de Ben Broadbent foi considerada "sexista" e gerou polémica.

O vice-governador comparou o estado atual da economia britânica ao último período da era Vitoriana, antes da introdução da eletricidade, no qual se registou uma quebra brusca de produtividade.

A afirmação foi proferida em entrevista ao jornal britânico The Telegraph. Broadbent justificou que a expressão aplicada "climatérico" é usada pelos historiadores económicos para descrever um período de quebra brusca e que, no essencial, significa "menopausa, mas que se aplica a ambos os sexos, fazendo referência a um período após o pico de produtividade".

Frances O'Grady, dirigente sindical do Trade Union Congress, considerou a linguagem usada por Broadbent "totalmente inapropriada".

"Não há a mínima necessidade de recorrer a linguagem limitada e sexista para descrever problemas na economia", referiu.

Frances O'Grady, secretária-geral do Trades Union Congress.

Frances O'Grady, secretária-geral do Trades Union Congress.

Stefan Wermuth/ Reuters

Robert Peston, editor de política da cadeia de televisão britânica ITV, publicou um comentário no Twitter no qual classificou a linguagem de Broadbent como "desleixada e potencialmente ofensiva".

Em reação às várias críticas de que foi alvo, o vice-governador divulgou esta quarta-feira uma declaração:

"Peço desculpa pela minha pobre escolha de linguagem durante uma entrevista ao The Telegraph esta terça-feira. Lamento as eventuais ofensas causadas. Eu estava a explicar o significado da palavra 'climatérico', termo usado pelos historiadores da economia para descrever um período de baixa produtividade e crescimento durante o século XIX. A produtividade económica é algo que nos afeta a todos, de todas as idades e géneros".

O vice-governador do Banco de Inglaterra considerou que a atual crise de produtividade do Reino Unido conduziu a baixas receitas com impostos e menos fundos para investimento público.

  • As confissões de Sérgio Conceição: do futuro no FC Porto à zanga com Rui Vitória 
    43:14
  • Sabia que pode emprestar dinheiro a empresas e ganhar 7% em juros por ano?
    8:05
  • É desta que provam a existência do monstro de Loch Ness?

    Mundo

    Para muitos, o monstro de Loch Ness não passa de uma lenda. A verdade é que a existência ou não desta criatura mística continua a suscitar debates entre aqueles que acreditam e os cépticos. Uma equipa internacional de investigadores quer responder finalmente à questão através da recolha de ADN ambiental do Loch Ness, na Escócia.

    SIC