sicnot

Perfil

15 Anos SIC Notícias

António Costa garante que acabou "o passeio na avenida" de Marcelo

15 ANOS SIC NOTÍCIAS

António Costa garante que acabou "o passeio na avenida" de Marcelo

António Costa diz que já sabe muito bem em que vai votar nas eleições presidenciais e elogia o debate de Sampaio da Nóvoa com Marcelo Rebelo de Sousa, garantindo que acabou "o passeio na avenida" de Marcelo. O primeiro-ministro, que participou numa edição especial do programa Quadratura do Círculo, anunciou na SIC Notícias que, neste momento, já "não há dificuldade nenhuma" para a reversão da maioria do capital da TAP para as mãos do Estado.

  • António Costa voltou à Quadratura do Círculo

    15 Anos SIC Notícias

    O primeiro-ministro é convidado da emissão especial da Quadratura do Círculo de hoje, a propósito do 15º aniversário da SIC Notícias. Presidenciais, TAP e Banif foram alguns dos temas discutidos por António Costa no programa em que já foi comentador residente. Para ver, mais logo às 22:00.

  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marcelo diz que é hora de valorizar o poder local
    0:40

    País

    O Presidente da República diz que este é o momento para valorizar o poder local. Sobre a descida da Taxa Social Única, Marcelo Rebelo de Sousa recusou comentar e negou que haja crispação politica entre Governo e oposição.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.