sicnot

Perfil

Acidente aéreo na Colômbia

Acidente aéreo na Colômbia

Acidente aéreo na Colômbia

Guarda-redes anuncia fim da carreira abalado com a morte dos colegas

© Paulo Whitaker / Reuters

O guarda-redes suplente da Chapecoense, que por decisão técnica de última hora não viajou com a equipa, anunciou o fim da sua carreira futebolística.

“Era para ter ido e acabei por ficar. Como houve mudanças na viagem, eles não iam regressar a Chapecó mas sim diretos de São Paulo para Medellín. O Caio disse-me que eu não iria porque não ia jogar e abriu opção de levar outro atleta”, contou o jogador em conferência de imprensa.

Nivaldo estava ao serviço da equipa desde 2007. Com 298 jogos pelo clube, o jogador, de 42 anos, pretendia terminar oficialmente a sua carreira ao completar o jogo número 300.

Abalado com a morte dos colegas, o guarda-redes acabou por deixar definitivamente o futebol.

Emocionado, o jogador considerou que o facto do colega Jackson Follmann ter sobrevivido ao acidente foi um verdadeiro milagre. Após o acidente aéreo na Colômbia, o jogador de 24 anos teve que ser amputado numa das pernas. Nivaldo, veterano que viu a progressão do jovem no clube, lamentou também o fim da carreira do colega, desejando as suas rápidas melhoras.

  • Mário Centeno lidera hoje a primeira reunião do Eurogrupo
    1:56
  • Eleição de Rio "embaraça" PCP e BE
    0:34

    Opinião

    Luís Marques Mendes considera que a eleição de Rui Rio veio criar embaraço ao PCP e Bloco de Esquerda. O comentador da SIC considera que a promessa de que venha a haver pactos de regime entre PS e PSD é motivo de preocupação para os parceiros do Governo.

  • Quem são os arguidos da operação Fizz
    2:29

    País

    É já considerado o julgamento do ano da justiça portuguesa e o caso que está a abalar as relações entre Portugal e Angola. O processo da operação Fizz tem quatro arguidos, mas um deles, já é certo, não irá sentar-se esta segunda-feira no banco dos réus.

  • Que shutdown é este que paralisou os EUA?
    2:27
  • Casal que mantinha filhos acorrentados queria participar num reality show
    3:15
  • Quase 100 atletas testemunharam contra médico Larry Nassar
    1:38

    Desporto

    Quase 100 atletas e antigas ginastas da seleção dos Estados Unidos da América confrontaram esta semana, em tribunal, o médico Larry Nassar, acusado de assédio sexual. Em dezembro, o clínico foi condenado a 60 anos de prisão por um tribunal do Michigan, por posse de pornografia infantil.