sicnot

Perfil

Acidente aéreo na Colômbia

Acidente aéreo na Colômbia

Acidente aéreo na Colômbia

Quem são os jogadores da Chapecoense que não seguiram viagem

A trágica queda do avião que transportava vários elementos do plantel e da equipa técnica da Chapecoense, para além de jornalistas e outros passageiros e tripulantes, vitimou 19 jogadores. A reconstrução física e psicológica do emblema de Chapecó vai ser feita com pelo menos 11 jogadores e o espírito de união e solidariedade, singular no mundo do futebol.

Um dos sobreviventes, o guarda-redes Jackson Follman, ficou sem uma perna. Os outros dois, o lateral Alan Rushel e o central Hélio Neto, continuam também internados, em estado crítico.

Foram 11 os jogadores que não embarcaram na trágica viagem rumo a Medellín, na Colômbia. São eles os guarda-redes Nivaldo e Marcelo Boeck (ex-Sporting), os defesas Cláudio Winck, Demerson e Rafael Lima, os médios Alejandro Martinuccio, Hyoran, Moisés, Neném e Lucas Mineiro e o avançado Lourency.

O experiente guarda-redes Nivaldo, de 42 anos, está no clube de Chapecó desde 2006. Foi parte integrante da ascensão da equipa da Série D ao Brasileirão.

Marcelo Boeck, antigo guarda-redes do Marítimo e do Sporting, pediu dispensa da convocatória para poder celebrar o 32º aniversário.

O lateral-direito Cláudio Winck, de 22 anos, está emprestado pelo Internacional de Porto Alegre. O último jogo pela equipa de Chapecó foi a 3 de julho.

O central de 30 anos, Demerson, foi contratado em maio pela Chapecoense, depois de passagens pelo Coritiba e Bahia.

O também central Rafael Lima está desde 2012 na Chapecoense e chegou a ser capitão de equipa. Jogou 20 encontros e fez um golo esta temporada. Atualmente, não era opção.

Alejandro Martinuccio, médio ofensivo argentino, é um dos poucos estrangeiros da equipa. Foi vice-campeão da Taça Libertadores, pelo Peñarol, em 2011. Estava lesionado e por isso não seguiu com a equipa.

Hyoran foi, aos 23 anos, considerado uma das revelações deste Brasileirão. Chegou ao clube de Chapecó em 2013 e já foi contratado pelo campeão Palmeiras, para a próxima época. Também estava lesionado.

O médio Moisés, de 25 anos, disputou 13 partidas pela Chapecoense esta temporada.

Neném estava no emblema de Chapecó desde 2009, quando a equipa ainda estava na Série D.

O jovem médio Lucas Mineiro, de 20 anos, disputou apenas três jogos esta temporada.

Por fim, o avançado Lourency, de 20 anos, que já realizou 14 jogos pela Chapecoense esta época, com um golo apontado.

Para além destes jogadores, a Chapecoense vai também poder contar com a solidariedade de vários clubes, de diferentes partes do mundo, que se disponibilizaram para emprestar jogadores a custo zero.

Uma reconstrução difícil mas possível, que vai permitir continuar a escrever páginas de glória nos já 43 anos de história que tem a equipa de Chapecó.

Fotos Globo e Facebook

  • Assalto à base militar de Tancos
    0:42

    País

    Várias granadas e munições foram roubadas dos paióis da base militar de Tancos. A Polícia Judiciária Militar já está a investigar.

  • Detido antigo diretor regional do BES na Madeira

    Queda do BES

    Foi detido o antigo diretor do Banco Espírito Santo da Madeira, no âmbito do chamado processo ao Universo GES. João Alexandre Silva tinha sido também o representante do BES na Venezuela, onde a instituição portuguesa abriu várias agências em diversas cidades e tinha cerca de 7600 clientes domiciliados.

    Notícia SIC

  • Couves, arroz integral e bróculos biológicos com pesticidas sintéticos
    2:29
  • ASAE apreende leite com água oxigenada para fabrico de queijo

    Economia

    A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu leite com água oxigenada, destinado ao fabrico de queijo. As investigações decorreram nos últimos dois meses e foram dirigidas a vários produtores de leite. As investigações iniciaram-se com a deteção de uma viatura para transporte do leite sem qualquer sistema de refrigeração.

  • Crise na Venezuela faz aumentar casos de desnutrição infantil
    2:13
  • Mulher mata namorado em brincadeira com arma no Youtube

    Mundo

    Uma mulher do Minnesota, nos EUA, está a ser acusada de disparar mortalmente sobre o namorado quando ambos faziam um vídeo para publicar no Youtube. Monaliza Perez, de 20 anos, foi detida depois de disparar sobre Pedro Ruiz, que segurava um livro junto ao seu peito, confiante que seria o suficiente para parar a bala.

  • Comissão Europeia adota plano contra resistência a antibióticos

    Mundo

    A Comissão Europeia adotou, hoje, um plano para combater a resistência aos antibióticos, uma ameaça que mata anualmente 25 mil pessoas na União Europeia (UE) e custa 1,5 mil milhões de euros. Em paralelo ao plano, apresenta ainda regras para um "uso prudente de antibióticos".