sicnot

Perfil

Agressões em Ponte de Sor

Iraque "responderá em tempo adequado" a pedido de levantamento de imunidade

A embaixada iraquiana afirmou esta semana que o seu Governo "responderá em tempo adequado" ao pedido de levantamento de imunidade diplomática" aos filhos do embaixador envolvidos em confrontos, anunciou esta quarta-feira o Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) português.

"A Embaixada do Iraque comunicou esta semana por nota verbal que "o Governo da República do Iraque está a estudar o pedido de levantamento de imunidade diplomática e responderá em tempo adequado", refere o texto enviado à agência Lusa.

Na sexta-feira o MNE solicitou urgência na resposta das autoridades iraquianas ao pedido de levantamento da imunidade diplomática dos filhos do embaixador do Iraque em Portugal envolvidos em incidentes em Ponte de Sor, que tinha sido previamente emitido.

"Na sequência do pedido do levantamento da imunidade diplomática apresentado no passado dia 25 de agosto, foram já realizadas diligências junto do Ministério dos Negócios Estrangeiros em Bagdad e junto da Embaixada do Iraque em Lisboa, solicitando urgência na obtenção de uma resposta por parte das autoridades iraquianas", informou na ocasião o Ministério dos Negócios Estrangeiros português.

Alem disso, o ministério tutelado por Augusto Santos Silva adiantou que já tinha agendada uma reunião entre os Ministros dos Negócios Estrangeiros de Portugal e do Iraque a realizar em Nova Iorque no decurso da semana ministerial da Assembleia Geral das Nações Unidas, entre os dias 19 e 23 de setembro.

No dia 17 de agosto, Rúben Cavaco, de 15 anos, foi agredido em Ponte de Sor, no distrito de Portalegre, pelos filhos do embaixador do Iraque em Portugal, gémeos de 17 anos.

O jovem alentejano sofreu múltiplas fraturas, tendo sido transferido no mesmo dia do centro de saúde local para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa, tendo chegado a estar em coma induzido. O jovem acabou por ter alta hospitalar na sexta-feira.

Os dois rapazes suspeitos da agressão são filhos do embaixador iraquiano em Portugal, Saad Mohammed Ali, e têm imunidade diplomática, ao abrigo da Convenção de Viena.

Lusa

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11