sicnot

Perfil

Airbus cai nos Alpes

Airbus cai nos Alpes

Airbus cai nos Alpes

Mariano Rajoy consternado com tragédia do avião da Germanwings

 O presidente do Governo de Espanha, Mariano Rajoy, afirmou-se hoje "consternado com o acidente aéreo" nos Alpes franceses, com a queda de um avião da German Wings com 148 pessoas a bordo, entre as quais espanhóis.

© Andrea Comas / Reuters

"Consternado pelo acidente aéreo nos Alpes. Uma tragédia. Trabalhamos com as autoridades francesas e alemãs na investigação", indicou Mariano Rajoy numa mensagem na rede social Twitter.


A empresa que gere os principais aeroportos em Espanha afirmou hoje que no avião que se despenhou nos Alpes franceses seguia um número considerável de espanhóis, com o governo de Madrid a confirmar 45 passageiros com apelidos espanhóis.


"É presumível que haja a bordo um número importante de cidadãos espanhóis", declarou o porta-voz da Aeropuertos Españoles y Navegación Aérea (AENA), Antonio San José, às rádios Onda Cero e Antena 3.


Por seu turno, a porta-voz do governo, a vice-presidente Soraya Sainz de Santa Maria, afirmou que na lista dos passageiros estão 45 pessoas com apelidos espanhóis.


O governo espanhol criou um gabinete de crise na sequência do desastre do Airbus A320 da Germanwings, filial de baixo custo da alemã Lufthansa, que partiu de Barcelona rumo a Dusseldorf.


O avião despenhou-se na região de Digne, perto de Barcelonette.


Numa declaração à imprensa, o presidente francês, François Hollande, disse que muitos dos passageiros a bordo seriam de nacionalidade alemã e afastou a hipótese de haver sobreviventes.


Lusa
  • A menina síria que relata a guerra no Twitter está bem, diz o pai

    Mundo

    Bana Alabed, a menina síria de 7 anos que conta no Twitter a luta pela sobrevivência e os horrores da guerra em Alepo, teve de abandonar a sua casa que foi bombardeada mas está bem, disse hoje o seu pai à Agência France Press. A conta esteve fechada domingo, mas foi entretanto reativada e tem hoje uma nova publicação de Bana.

  • Parkinson pode ter início nos intestinos

    Mundo

    Um novo estudo científico vem revelar que a doença de Parkinson pode não estar apenas no cérebro. A doença pode ter início nos intestinos e mais tarde migrar para o cérebro.