sicnot

Perfil

Airbus cai nos Alpes

Alemanha, França e Espanha unem esforços para apoiar famílias das vítimas

Alemanha, França e Espanha unem esforços para apoiar famílias das vítimas

As famílias dos passageiros estão a receber apoio médico e psicológico em Espanha e na Alemanha. Em França, autarcas e os serviços de protecção civil dizem estar prontos para receber e apoiar os familiares que queram ir ao local do acidente do avião da Germanwings.

  • O que aconteceu nos Alpes?
    2:22

    Airbus cai nos Alpes

    O avião da companhia low-cost Germanwings caiu nos Alpes franceses com 150 pessoas a bordo, durante o percurso entre Barcelona e Düsseldorf. Sobre as causas do acidente, há apenas interrogações. Porque é que o avião esteve oito minutos numa descida aparentemente controlada? Será que os pilotos não sabiam o que estava acontecer? E porque razão não foi comunicada qualquer anomalia? Com a escassa informação disponível, o repórter da SIC Luís Manso reconstitui o filme dos acontecimentos.

  • Primeiros dados da caixa negra podem ser conhecidos hoje
    2:41

    Mundo

    A Procuradoria de Marselha prevê que possam ser conhecidos hoje à tarde os primeiros resultados da análise à caixa negra recuperada no local do acidente do avião da Germanwings, que se despenhou nos Alpes franceses na terça-feira. Recomeçaram esta manhã cedo as operações de busca e recolha de cadáveres e destroços. Os trabalhos estão a ser ainda mais dificultados porque nevou durante a noite, tornando o piso ainda mais escorregadio e de dificil acesso.

  • Pilotos da Germanwings recusam-se a voar nos A320

    Airbus cai nos Alpes

    Mais de 30 voos, com partida marcada a partir dos aeroportos alemães, terão sido cancelados, segundo a imprensa germânica. Os pilotos alegam motivos pessoais para não embarcar nos A320, o mesmo modelo que caiu nos Alpes franceses. A Germanwings garante que apenas um voo foi cancelado.

  • Três irmãos resgatados dos escombros em Itália
    1:24
  • Porto Editora acusada de discriminação
    2:55
  • Graça Fonseca, a primeira governante a assumir-se homossexual
    1:02

    País

    A secretária de Estado da Modernização Administrativa deu uma entrevista ao Diário de Notícias onde assume a sua homossexualidade. É a primeira vez que um governante português o faz. Graça Fonseca assume esta posição pública como uma "afirmação política".

  • Governo quer entregar OE 2018 a 13 de outubro
    1:33
  • Casa Branca isolada devido a pacote suspeito

    Mundo

    A Casa Branca foi esta terça-feira isolada devido à presença de um pacote suspeito junto a uma das vedações que limitam o edifício governamental norte-americano. A situação já foi normalizada e o objeto retirado do local.