sicnot

Perfil

Airbus cai nos Alpes

Airbus cai nos Alpes

Airbus cai nos Alpes

Co-piloto terá posto diuréticos no café do comandante para o forçar a ir à casa de banho

Os investigadores que têm examinado o computador do co-piloto do Airbus A320 que caiu nos Alpes, Andreas Lubitz, admitiram esta quinta-feira a possibilidade de Lubitz ter colocado um fármaco diurético no café do comandante para o forçar a ir à casa de banho.

Michael Mueller / AP

Lubitz, de 27 anos, deixou deliberadamente o A320 despenhar-se nos Alpes franceses.

O Ministério Público alemão acredita que o co-piloto terá adicionado um químico ao café do comandante Patrick Sodenheimer, que o terá levado a abandonar o cockpit para ir à casa de banho.

Com o comandante fora do cockpit, Lubitz terá recorrido às caraterísticas especiais de segurança para impedir a porta blindada de reabrir por fora.

Estes desenvolvimentos surgem depois de ter sido divulgado que o co-piloto teria feito pesquisas "online", dias antes do acidente, sobre métodos de suicídio e informação sobre mecanismos de segurança no cockpit. Lubitz foi também tratado por "tendências suicidas".
  • Vidas de fogo
    12:04

    Reportagem Especial

    Este ano durante o período mais crítico dos fogos, estão no terreno quase dez mil operacionais, a maioria bombeiros voluntários. A Reportagem Especial da SIC deste domingo "Vidas de fogo" dá a conhecer histórias de bombeiros que sobreviveram às chamas enquanto serviam o país.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.