sicnot

Perfil

Airbus cai nos Alpes

Airbus cai nos Alpes

Airbus cai nos Alpes

Co-piloto terá posto diuréticos no café do comandante para o forçar a ir à casa de banho

Os investigadores que têm examinado o computador do co-piloto do Airbus A320 que caiu nos Alpes, Andreas Lubitz, admitiram esta quinta-feira a possibilidade de Lubitz ter colocado um fármaco diurético no café do comandante para o forçar a ir à casa de banho.

Michael Mueller / AP

Lubitz, de 27 anos, deixou deliberadamente o A320 despenhar-se nos Alpes franceses.

O Ministério Público alemão acredita que o co-piloto terá adicionado um químico ao café do comandante Patrick Sodenheimer, que o terá levado a abandonar o cockpit para ir à casa de banho.

Com o comandante fora do cockpit, Lubitz terá recorrido às caraterísticas especiais de segurança para impedir a porta blindada de reabrir por fora.

Estes desenvolvimentos surgem depois de ter sido divulgado que o co-piloto teria feito pesquisas "online", dias antes do acidente, sobre métodos de suicídio e informação sobre mecanismos de segurança no cockpit. Lubitz foi também tratado por "tendências suicidas".
  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".