sicnot

Perfil

Ataque em Berlim

Suspeito do ataque em Berlim abatido em Milão

Suspeito do ataque em Berlim abatido em Milão

São imagens do local onde foi abatido o suspeito do ataque em Berlim. Anis Amri, 24 anos, foi surpreendido numa operação de rotina da polícia de Milão. O comportamento de Anis chamou a atenção das autoridades.

O suspeito do atentado de Berlim foi hoje morto a tiro em Milão, no norte de Itália, noticiaram meios de comunicação italianos.

O suspeito foi abatido numa troca de tiros com a polícia italiana, na zona de Sesto San Giovanni, durante um controlo policial.

A agência noticiosa italiana ANSA afirmou que o homem puxou de uma arma que levava na sua mochila depois de a polícia ter pedido a identificação.

O homem foi abatido depois de disparar. Um polícia ficou ferido.

A ANSA acrescentou que várias fontes em Milão e Roma confirmaram tratar-se de Anis Amri, o suspeito do ataque com um camião em Berlim.

Na quinta-feira, o ministro do Interior alemão, Thomas de Maizière, informou que o tunisino Anis Amri era, "com alta probabilidade", o autor do atentado de Berlim, de acordo com provas adicionais recolhidas no camião do ataque.

Pelo menos 12 pessoas morreram e 48 ficaram feridas no atentado contra um mercado de Natal, na segunda-feira, na capital alemã.

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Ministra admite que a maioria dos incêndios começaram por mão humana
    1:57

    País

    A Ministra da Administração Interna admitiu esta quarta-feira que a maioria dos incêndios deste ano começaram por mão humana, mas Constança Urbano de Sousa entende que é cedo para tirar outras conclusões. Já o vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Adelino Gomes, diz que não há duvidas e fala em terrorismo organizado. 

  • Sismo na região de Lisboa sentido num raio de 150km
    3:19