sicnot

Perfil

Ataque em Berlim

PM francês desvaloriza críticas acerca da circulação do autor do atentado de Berlim

Markus Schreiber / AP

O primeiro-ministro francês defendeu-se hoje das críticas acerca da facilidade com que o autor do atentado de Berlim viajou por vários países, afirmando que o seu país fez 81 milhões de controlos em 13 meses e meio.

Numa entrevista publicada hoje no "Jornal de Domingo", Bernard Cazeneuve disse ainda que fazer controlos sistemáticos "paralisaria a Europa".

O chefe do Governo francês frisou ainda que o restabelecimento dos controles nas fronteiras, que França decidiu depois dos atentados jihadistas de 13 de novembro de 2015, em Paris, "nunca foi o encerramento das fronteiras".

Além disso, ressalvou que "controlar cada pessoa que passa é completamente impossível".

"É uma verdade que tem de se dizer" porque se se for supervisionar cada veículo "isso paralisará a Europa, as suas infraestruturas de transporte, as suas atividades económicas", afirmou.

O primeiro-ministro francês não quis entrar naquilo que classificou de "polémicas estéreis" sobre o percurso de Anis Amri por vários países europeus -- incluindo França -- desde que cometeu o atentado com um camião num mercado de Natal em Berlim, a 19 de dezembro, até que foi abatido pela polícia italiana em Milão, argumentando que não se sabe em detalhe os meios de utilizou.

O governante avisou que a "questão do terrorismo vai permanecer durante muitos anos".

"Se cada vez que há um atentado houver um enfraquecimento político, vai acabar-se por fazer crer aos franceses que o Estado não está plenamente mobilizado para lutar contra a barbárie", disse.

Lusa

  • IPSS no Seixal alvo de processo e auditoria financeira
    1:47

    País

    A Segurança Social está fazer mais uma inspeção total a uma IPSS, agora na Associação Unitária de Reformados, Pensionistas e Idosos do Seixal. A fiscalização já recolheu documentação e está agora a passar a pente fino as contas, os serviços e todos os procedimentos da Instituição.

    Investigação SIC - Hoje no Jornal da Noite

    SIC

  • "Vai custar muito a voltarmos à realidade"
    2:22
  • Ministro alemão elogia Centeno que está otimista com o futuro da Zona Euro
    1:13

    Economia

    Mário Centeno diz que a Zona Euro tem um futuro positivo pela frente e acredita que o grupo dos países do euro está alinhado num projeto comum. Declarações do novo presidente do Eurogrupo no final de um encontro com o ministro das Finanças alemão, em Berlim. Peter Altmaier deu Portugal como exemplo de sucesso e reconheceu que foi um erro dividir a Europa entre Norte e Sul durante os anos da crise.

  • Trump mentalmente apto para ser Presidente dos EUA

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos foi na semana passada sujeito aos exames médicos anuais obrigatórios. O médico oficial da Casa Branca informou esta terça-feira que Donald Trump está de "excelente" saúde, não apenas física, mas também mental. As dúvidas sobre as capacidades cognitivas de Trump ganharam força após as revelações feitas no livro "Fire and Fury: Inside the Trump White House".

    SIC

  • Quando o frio até as pestanas congela

    Mundo

    Os termómetros desceram até aos - 67º Celsius em Yakutia, 5.300 quilómetros a Este de Moscovo, na Rússia. Nesta região, os estudantes estão habituados a manter as rotinas, mesmo quando as valores chegam aos - 40º Celsius, mas esta terça-feira as autoridades encerraram escolas e aconselharam a população a ficar em casa, longe do frio que até as pestanas congela.

    SIC