sicnot

Perfil

Ataque em Manchester

Sem-abrigo que socorreu vítimas em Manchester recebe lugar para viver

Um sem-abrigo de Manchester foi um dos protagonistas, pela positiva, da trágica noite de segunda-feira na cidade inglesa. Depois do ataque à Arena de Manchester, Chris Parker foi um dos primeiros a socorrer as vítimas. Após o gesto heróico, chegou a recompensa: uma casa para viver.

O homem pedia esmola junto ao recinto quando se registou a explosão. Deixou o medo para trás e, sem hesitar, foi um dos primeiros a prestar auxílio às vítimas.

Segundo a BBC, Parker confortou uma menina de 8 anos e uma mulher de 60, que morreu nos seus braços.

O ato heróico tornou-se viral nos media e nas redes sociais e esse efeito mediático gerou a melhor das consequências - a oferta de uma moradia para viver, feita por Dave Sullivan, filho de um dirigente do West Ham, equipa de futebol londrina.

Em declarações à rádio BBC 5 Live, Sullivan explica que "só queria fazer algo por ele, já que ele ajudou tanta gente".

Além da casa que lhe foi oferecida, Chris Parker também deverá vir a receber mais de 34 mil libras (cerca de 39 mil euros) recolhidas numa campanha organizada na Internet.