Ataque em Manchester

Bombista suicida pediu perdão a familiar antes de matar 22 pessoas

O bombista suicida que matou 22 pessoas na segunda-feira em Manchester, no Reino Unido, terá dito que foi movido pelo tratamento injusto que recebeu, afirmou uma parente. A mulher disse à agência AP, que Salman Abedi lhe telefonou a explicar o motivo e a pedir perdão pelo que ia fazer.

A familiar, que falou ao telefone com a AP a partir da Líbia, afirmou que um amigo muçulmano de Abedi foi assassinado no ano passado e que o terrorista lhe disse que os "infiéis" no Reino Unido não se importaram.

"A raiva foi a principal razão" para o atentado, que fez ainda 64 feridos à saída de um concerto da cantora norte-americana Ariana Grande na Manchester Arena.

Ao telefone com a sua parente, Salman Abedi terá pedido: "Perdoa-me".

As autoridades britânicas estão a investigar as ligações entre Abedi e outros militantes islâmicos em Manchester, no resto da Europa e no norte de África e Médio Oriente.

Um membro da comunidade líbia de Manchester afirmou que Abedi foi banido da mesquita depois de ter interrompido e insultado um imã que fazia um discurso contra o Daesh, que reivindicou o atentado.

Segundo um irmão mais novo do bombista, este terá consultado a Internet para aprender a fabricar um engenho explosivo e tentar conseguir "uma vitória para o Daesh".

Lusa

  • O relatório do BdP que revela desvio de mais de três mil milhões do BES
    2:30

    Queda do BES

    Ricardo Salgado e dois administradores do BES terão desviado mais de três mil milhões de euros do extinto Banco Espírito Santo, entre 2009 e 2014, através da Eurofin. As contas da sociedade do Grupo serviriam para pagar a familiares e amigos e para esconder ativos tóxicos. O esquema é explicado na acusação do Banco de Portugal, a que o Expresso teve acesso.

  • "A bebedeira passa, o resto não!"
    2:48

    País

    O INEM socorreu mais de mil menores em coma alcoólico, no ano passado. Por isso, os adolescentes são o alvo da campanha lançada esta sexta-feira pelo Governo: "A bebedeira passa, o resto não!"

  • Sabe que pode estar a pagar 100€ a mais na fatura do gás?
    2:29

    Economia

    A maior parte das empresas fornecedoras de gás continua a cobrar aos clientes a taxa de ocupação do subsolo ao clientes, apesar da lei dizer que deve ser paga pelas empresas desde janeiro de 2017. Cada Câmara Municipal cobra o que entende e há autarquias que não cobram nada. Em alguns casos podemos estar a falar de mais de 8 euros por mês, ou seja, mais de 100 euros por ano.

  • As técnicas e o currículo polémico do Dr. Bumbum
    2:10

    Mundo

    Uma mulher morreu após uma operação aos glúteos, feita na casa de um cirurgião plástico conhecido no Brasil por Dr. Bumbum. Depois de quatro dias em fuga, o homem entregou-se às autoridades. O médico operava as mulheres em casa e no currículo tem um curso que não acabou e pós-graduações que não são reconhecidas.

  • Ir ao Douro e à Nazaré
    25:57
  • O convite que causou surpresa até na Casa Branca
    2:33