sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Líder parlamentar do BE, em Paris, diz que ataques mostram "o pior da humanidade"

O líder parlamentar do BE, que se encontra em Paris, disse este sábado à Lusa que os ataques registados sexta-feira à noite "demonstram o pior que a humanidade tem e exigem o melhor que a humanidade pode dar".

O líder parlamentar do BE, Pedro Filipe Soares, disse à Lusa que todos os indicadores económicos são "positivos" para existir uma melhor proposta de alteração dos escalões do IRS.

O líder parlamentar do BE, Pedro Filipe Soares, disse à Lusa que todos os indicadores económicos são "positivos" para existir uma melhor proposta de alteração dos escalões do IRS.

Lusa

Pedro Filipe Soares encontra-se em Paris para assistir à Cimeira por um Plano B na Europa, juntamente com os dirigentes bloquistas Joana Mortágua e Luís Fazenda.

"Estado de emergência decretado em França e fronteiras fechadas. O coração de Paris foi atacado. Em Paris, solidário com a França", escreveu o deputado do Bloco, há cerca de duas horas na rede social Twitter.

Contactado pela Lusa, Pedro Filipe Soares relatou que estava em casa de familiares, no centro de Paris, e percebeu o que estava a acontecer pelas notícias.

"Começaram a chover alertas nos telemóveis das pessoas e minutos depois ouvimos sirenes a passar e depois foi a consternação geral instalada", descreveu.

O líder parlamentar do BE disse que escreveu no Twitter o que lhe vai na alma: "Os assassinos procuram impor o medo e o ódio. A consternação tem de ser ultrapassada pela solidariedade, não pela vingança (...) Nas imagens das TVs, nas ruas desertas ou nas sirenes que se ouvem, o medo e o ódio espreitam. Não os podemos deixar vencer", referiu, em dois 'posts' distintos.

"Momentos como este confrontam-nos com o pior que a humanidade tem e exigem o melhor que a humanidade nos pode dar", resumiu à Lusa.

O dirigente do Bloco deveria regressar na segunda-feira a Lisboa. No entanto, foi decretado o encerramento das fronteiras.

"Vamos aguardar e ver o que se passará nos próximos dias", disse.

Vários ataques registados sexta-feira à noite, em Paris, provocaram a morte de mais de uma centena de pessoas, segundo fontes policiais.

O Presidente francês, François Hollande, já anunciou o estado de emergência e o encerramento das fronteiras de França na sequência do que classificou de "ataques terroristas sem precedentes" no país.

Lusa

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52