sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques registaram-se em sete pontos diferentes da capital francesa

Os ataques registados hoje à noite em Paris foram conduzidos em sete pontos diferentes da cidade, segunda fonte próxima do inquérito, citada pela AFP.

© Christian Hartmann / Reuters

De acordo com a France Presse, os ataques foram conduzidos por um 'kamikaze' no Estádio de França no norte da capital, na sala de espetáculos Bataclan (centro de Paris) onde está em curso uma tomada de reféns, bem como em cinco bairros do centro Paris muito frequentados às sextas-feiras à noite, em bairros próximos da Praça da República, uma zona próxima do jornal Charlie Hebdo, onde ocorreu um ataque em janeiro.

Os sete locais onde se deram os ataques são: Estádio de França, na Gare Du Nord, no restaurante Petit Cambodge, no bar Le Carrilon, no Bataclan Concert Hall, no Belle Equipe Bar, em Les Halle.

Vários ataques registados hoje à noite, em Paris, provocaram a morte a pelo menos 40 pessoas e pelo menos 50 pessoas ficaram feridos em estado grave, segundo fontes policiais.

O presidente francês, François Hollande, já anunciou o estado de emergência e o encerramento das fronteiras de França na sequência do que classificou de "ataques terroristas sem precedentes" no país.

Lusa

  • Brinquedos tecnológicos para oferecer no Natal
    5:33
  • Aniversário de Marcelo passado nas comemorações dos 700 anos da Marinha
    1:45

    País

    O Presidente da República defende que é preciso continuar a investir na Armada, nas pessoas, nas capacidades e no apoio de retaguarda. No dia em que fez 69 anos, Marcelo Rebelo de Sousa esteve nas comemorações dos 700 da Marinha, onde sublinhou os sete séculos de conquistas e de combates navais.

  • Rui Rio comprometeu-se a realizar apenas dois debates
    0:45

    País

    Rui Rio disse esta terça-feira que foi apanhado de surpresa com a mudança de posição de Pedro Santana Lopes, que exige três debates entre os dois candidatos à liderança do PSD nos canais generalistas. Rui Rio reiterou ainda que se comprometeu a fazer apenas dois debates.

  • Costa anuncia reunião sobre neutralidade carbónica em fevereiro
    2:03

    País

    O Presidente francês defende que é preciso ir mais longe e mais rápido na luta contra as alteração climáticas, numa resposta à decisão de Donald Trump de retirar os EUA do Acordo de Paris. Em fevereiro, será a vez de Portugal organizar uma reunião sobre energia e transportes.