sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Canadá manifesta choque e tristeza com ataques em França

O primeiro-ministro canadiano, Justin Trudeau, manifestou hoje choque e tristeza com os ataques terroristas iniciados na sexta-feira em Paris.

© Benoit Tessier / Reuters

"Estou chocado e triste por tantas pessoas terem sido mortas e feridas em ataques violentos em Paris", declarou Trudeau, apresentando as suas condolências.

O primeiro-ministro canadiano disse que o seu país "está com a França neste período negro e oferece toda a ajuda possível".

Vários ataques registados na noite de sexta-feira, em Paris, provocaram a morte a pelo menos 40 pessoas e mais de 50 feridos em estado grave, segundo fontes policiais.

O Presidente francês, François Hollande, já anunciou o estado de emergência e o encerramento das fronteiras de França na sequência do que classificou de "ataques terroristas sem precedentes" no país.

Lusa

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.