sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Cidadão francês identificado como possível atacante, avança imprensa francesa

Um cidadão francês, conhecido da polícia e dos serviços de informações, foi identificado pelos investigadores como um dos presumíveis atacantes da sala de espetáculos Bataclan, um dos alvos dos atentados de sexta-feira em Paris, segundo vários 'media' franceses.

© Eric Gaillard / Reuters

O corpo foi identificado pelas impressões digitais, segundo fontes da investigação citadas pela agência France Presse, a rádio Europe 1 e o jornal Libération.

Segundo a Europe 1, trata-se de um jovem natural de Courcouronnes, a cerca de 35 quilómetros de Paris, conhecido da polícia e dos serviços de informações por ligações ao 'jihadismo'.

A sala de espetáculos Bataclan, onde morreram pelo menos 82 pessoas, foi um dos alvos dos vários atentados perpetrados na sexta-feira à noite em Paris, que fizeram pelo menos 128 mortos, um dos quais português, e 300 feridos, 80 deles em estado grave.

A imprensa francesa noticiou por outro lado que, no Stade de France, outro dos alvos, os investigadores encontraram um passaporte sírio e outro egípcio junto de cadáveres que se presume serem de atacantes.

A "pista síria" é uma das hipóteses de trabalho dos investigadores, segundo fontes policiais, que estão a verificar todos os elementos com serviços de informações de outros países, designadamente europeus.

Uma fonte policial tinha dito hoje de manhã à agência France Presse que os bombistas suicidas eram aparentemente "experimentados e bem treinados" e testemunhas dos ataques descreveram-nos como "muito jovens e seguros de si".

A possibilidade de terem treinado e eventualmente passado algum tempo em zonas dominadas por 'jihadistas', nomeadamente na Síria, colocou-se "rapidamente" aos investigadores, segundo fontes policiais citadas pela France Presse.

Lusa

  • Lince ibérico esteve à venda no OLX

    País

    Um anúncio de venda de um lince ibérico, por 1.500 euros, foi publicado esta semana no site de classificados OLX, com uma morada de Alcoutim, no Algarve. A autenticidade da publicação não foi confirmada, mas em setembro foi encontrada a coleira de um lince ibérico precisamente em Alcoutim. As autoridades estão a investigar.

    SIC

  • "O futuro da Autoeuropa não está em causa"
    0:43

    Economia

    O secretário de Estado do Trabalho apelou a que os partidos não se intrometam nas negociações entre os trabalhadores e a administração da Autoeuropa. Em entrevista à Edição da Noite da SIC Notícias, Miguel Cabrita afastou a hipótese de estar em causa o encerramento da fábrica de Palmela.