sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Portugal reforça segurança nas embaixadas e aeroportos

Por causa dos atentados em Paris, Portugal reforçou a segurança em embaixadas e aeroportos.

© Benoit Tessier / Reuters

As autoridades portuguesas aumentaram a presença junto das embaixadas de França, dos Estados Unidos, Alemanha, Reino Unido e nos aeroportos do país.

Esta manhã, no aeroporto de Lisboa várias pessoas tentaram cancelar voos para a capital francesa mas os que vão viajar assumem estar assustados com o que aconteceu.

  • Ataques foram cometidos pelo Estado Islâmico, diz Hollande

    Ataques em Paris

    O presidente francês declarou hoje que os atentados de sexta-feira à noite em Paris, que causaram pelo menos 127 mortos, foram "um ato de guerra" de "um exército terrorista", do movimento do Estado Islâmico (EI). François Hollande pediu aos franceses "unidade e sangue-frio", ao mesmo tempo que decretou o "luto nacional por três dias", na sequência dos ataques terroristas de sexta-feira.

  • "O que aconteceu em Paris foi um ato de guerra"
    1:32

    Ataques em Paris

    Esta manhã, François Hollande confirmou que os ataques de ontem em Paris foram organizados pelo Estado Islâmico. O Presidente francês disse que a França vai ser implacável com os bárbaros do Daesh , ou seja, Estado Islâmico, e confirmou que os atentados foram planeados no exterior do país mas tiveram ajuda interna.

  • Há um português entre as vítimas mortais de Paris

    Ataques em Paris

    Um português, que se encontrava perto do Estádio de França, morreu nos atentados terroristas de sexta-feira em Paris, disse hoje fonte oficial do ministério dos Negócios Estrangeiros português. A mesma fonte acrescentou que, de momento, esta é a única informação disponível e facultada pelas autoridades locais parisienses.

  • Barco naufraga no Brasil, pelo menos sete mortos

    Mundo

    Uma embarcação com cerca de 70 pessoas a bordo naufragou na terça-feira no rio Xingú, no estado brasileiro do Pará. Pelo menos 25 pessoas foram resgatadas com vida, há sete mortos confirmados.

    Em atualização

  • Enfermeiros especialistas em saúde materna retomam protesto 

    País

    Os enfermeiros especialistas em saúde materna e obstetrícia voltam quinta-feira de manhã a interromper as funções especializadas, o que pode afetar blocos de parto e maternidades. Queixam-se de "falta de resposta política adequada" e "ausência de acordos sérios".

  • Cristas vaiada em bairro de Chelas
    1:44

    Autárquicas 2017

    Assunção Cristas promete mudanças na Gebalis, a empresa municipal que gere os bairros sociais em Lisboa. Esta manhã, a candidata do CDS à câmara visitou um bairro de Chelas, onde foi vaiada por alguns populares.

  • Prestação da casa aumenta pela primeira vez desde 2014
    1:17

    Economia

    Pela primeira vez em três anos, as taxas de juro do crédito à habitação, estão a subir. A subida é de apenas 1 euro, mas é a primeira desde 2014, depois de em maio deste ano ter estabilizado e em junho ter descido. A justificação para este aumento é a evolução das taxas euribor.

  • "Em vez de ajudarem, estavam a tirar fotos dela a morrer"
    1:13
  • Criança irrequieta domina noticiário britânico
    1:19