sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques fizeram vítimas de mais de 10 nacionalidades

Ataques fizeram vítimas de mais de 10 nacionalidades

A tragédia de Paris fez vítimas de mais de uma dezena de nacionalidades. As histórias começam agora a ser divulgadas.

  • Líderes do G20 decidem reforçar controlos fronteiriços e segurança aérea

    Ataques em Paris

    Dentro de duas semanas, Paris recebe a Conferência das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas, com presença já confirmada de 120 chefes de Estado e de Governo. Uma cimeira rodeada de medidas de segurança super reforçadas.À semelhança do que está a acontecer na cimeira do G20 que começou hoje na Turquia, país onde este sábado um militante do grupo autodenominado Estado Islâmico se fez explodir.

  • Secreta iraquiana alertou a França de possíveis ataques
    0:18

    Mundo

    O ministro iraquiano dos Negócios Estrangeiros disse ontem, em Viena, na Áustria, que os serviços secretos do Iraque tinham obtido informação segundo a qual França, os Estados Unidos e o Irão seriam alvos dos terroristas. O chefe da diplomacia iraquiana disse ainda que essa informação foi partilhada com os países visados.

  • A Verdade sobre a Mentira
    35:13
  • Elemento dos Super Dragões com medida de coação mais gravosa
    1:37

    Desporto

    Os seis arguidos da Operação Jogo Duplo, que investiga crimes de corrupção e viciação de resultados na II Liga de futebol, saíram em liberdade. A medida de coação mais gravosa é para um membro da claque Super Dragões, que terá de pagar uma caução de 5 mil euros.

  • "A Venezuela sofreu um Madurazo"
    0:32
  • "Leiam os meus lábios. Não!"
    0:12

    Mundo

    Vladimir Putin participou esta quinta-feira numa conferência, no Ártico. Questionado sobre se a Rússia tinha interferido nas últimas eleições dos Estados Unidos da América, o Presidente voltou a negar qualquer interferência, com uma frase que pensava pertencer a Ronald Reagan, mas que na verdade foi proferida por George Bush.

  • A provocação de Juncker a Trump
    0:40

    Mundo

    Jean-Claude Juncker lançou esta quinta-feira uma provocação a Donald Trump. No último dia do congresso do PPE, o presidente da Comissão Europeia disse que, se Trump incentivar outros países a sair da União Europeia, ele próprio vai apoiar a independência do Ohio e do Texas