sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Balanço provisório dos mortos mantém-se em 129

O balanço oficial provisório dos mortos nos atentados de Paris mantém-se nos 129 e não em 132, como dava conta um comunicado do organismo gestor dos hospitais da cidade, que indicava mais três feridos falecidos.

© Kacper Pempel / Reuters

Um porta-voz dos hospitais precisou posteriormente que os três falecidos de que falava aquele comunicado já estavam incluídos no balanço anterior de 129 mortos.

Entre as vítimas mortais contam-se dois portugueses.

O lapso do comunicado levou a que os meios de comunicação social elevassem para 132 mortos o balanço dos atentados de sexta-feira à noite na capital francesa.

O organismo que faz a gestão dos hospitais parisienses - AP-HP -- divulgou a meio da tarde de hoje que, das 80 pessoas admitidas na sexta-feira em estado de gravidade extrema, 35 já estão fora de perigo.

Dessas 80, 42 continuam a precisar de vigilância intensiva em unidades de reanimação, acrescenta o organismo no comunicado, adiantando que foram atendidas 415 pessoas, 218 das quais já tiveram alta.

No entanto, o comunicado aponta que o último balanço não inclui os feridos transferidos para os hospitais militares fora da capital, o que significa que não é um balanço global das vítimas com ferimentos.

  • Solução governativa à esquerda "devolveu tranquilidade à sociedade"
    0:58

    País

    O primeiro-ministro diz que a atual solução de Governo deve continuar tendo vantagens por ser como é. Ao Expresso, António Costa manifestou-se "muito satisfeito" com a solução governativa encontrada e afirmou que esta "não depende de haver ou não maioria" absoluta na próxima legislatura.

  • O regresso a casa depois do incêndio no Sardoal
    2:43