sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Instituições europeias sobem nível de alerta nos edifícios de Bruxelas

A Comissão Europeia e o Parlamento Europeu decidiram hoje aumentar o nível de alerta nos seus edifícios em Bruxelas, de branco para amarelo, depois dos atentados em Paris, na passada sexta-feira à noite.

© Yves Herman / Reuters

Uma nota da Comissão Europeia refere que, apesar de as autoridades belgas não terem subido o novel de alerta do país, foi decidido passá-lo de branco para amarelo nos edifícios do executivo comunitário, como medida de precaução.

"Apesar de a Comissão não ter conhecimento de qualquer ameaça específica contra Instituições europeias, decidi, em coordenação com o presidente [Jean-Claude Juncker], aumentar o novel de alerta de branco para amarelo, como medida preventiva", escreveu a comissária europeia para os Recursos Humanos, Kristalina Georgieva, numa nota a que a agência Lusa teve acesso.

Também o Parlamento Europeu, segundo uma nota de imprensa, aumentou para amarelo o novel de alerta e decidiu encerrar algumas das entradas na sua sede em Bruxelas, incluindo a da imprensa.

O grupo extremista Estado Islâmico reivindicou no sábado, em comunicado, os atentados de sexta-feira em Paris, que fizeram pelo menos 129 mortos e mais de 400 feridos.

Os ataques, perpetrados por pelo menos sete terroristas, que morreram, ocorreram em vários locais da cidade, entre eles uma sala de espetáculos e o Stade de France, onde decorria um jogo de futebol entre as seleções de França e da Alemanha, com a presença do chefe de Estado francês, François Hollande.

A França decretou o estado de emergência e restabeleceu o controlo de fronteiras na sequência daquilo que o Presidente François Hollande classificou como "ataques terroristas sem precedentes no país".

Lusa

  • Lince ibérico esteve à venda no OLX

    País

    Um anúncio de venda de um lince ibérico, por 1.500 euros, foi publicado esta semana no site de classificados OLX, com uma morada de Alcoutim, no Algarve. A autenticidade da publicação não foi confirmada, mas em setembro foi encontrada a coleira de um lince ibérico precisamente em Alcoutim. As autoridades estão a investigar.

    SIC

  • "O futuro da Autoeuropa não está em causa"
    0:43

    Economia

    O secretário de Estado do Trabalho apelou a que os partidos não se intrometam nas negociações entre os trabalhadores e a administração da Autoeuropa. Em entrevista à Edição da Noite da SIC Notícias, Miguel Cabrita afastou a hipótese de estar em causa o encerramento da fábrica de Palmela.