sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Cantor norte-americano Bob Dylan pede segurança armada para concertos em Itália

O cantor norte-americano Bob Dylan pediu seguranças armados no interior do auditório Manzoni de Bolonha, no centro de Itália, onde vai atuar hoje e na quarta-feira, noticiou hoje o diário Corriere della Sera.

© Mario Anzuoni / Reuters

Na entrada do auditório vão estar vários agentes da polícia, no interior estarão 12 seguranças armados, parte dos quais ficará, à paisana, entre o público, de acordo com a organização do espetáculo.

O diretor artístico da sala, Giorgio Zagnoni, confirmou ao jornal o pedido do compositor e explicou ter sido contratada uma agência de segurança para vigiar as entradas, o palco e o camarim de Dylan, de 74 anos.

"É a primeira vez que um artista nos pede para reforçar desta maneira a segurança. Mas, dada a situação e depois do que aconteceu em Paris, o pedido de Dylan é mais que compreensível", afirmou.

As medidas de segurança vão ser reforçadas, mas "vão continuar a ser dois concertos normais (...) se não existissem condições, seriam cancelados", garantiu.

Zagnoni acrescentou que não há detetores de metais, mas os responsáveis da segurança poderão, caso considerem necessário, identificar os espetadores à entrada.

Na sexta-feira, 89 pessoas foram mortas na sala de espetáculos Bataclan, em Paris, por combatentes do grupo extremista Estado Islâmico (EI).

Lusa

  • O dia que roubou dezenas de vidas em Pedrógrão Grande
    3:47
  • Morreu Miguel Beleza

    País

    Miguel Beleza, economista e antigo ministro das Finanças, morreu esta quinta-feira de paragem cardio-respiratória aos 67 anos.

  • "Estamos a ficar sem espaço. Está na hora de explorar outros sistemas solares"

    Mundo

    O físico e cientista britânico Stephen Hawking revelou alguns dos seus desejos para um novo plano de expansão espacial. Hawking está em Trondheim, na Noruega, para participar no Starmus Festival que promove a cultura científica. E foi lá que o físico admitiu que a população mundial está a ficar sem espaço na Terra e que "os únicos lugares disponíveis para irmos estão noutros planetas, noutros universos".

    SIC

  • Não posso usar calções... visto saias

    Mundo

    Perante a proibição de usar calções no emprego, um grupo de motoristas franceses adotou uma nova moda para combater o calor. Os trabalhadores decidiram trocar as calças por saias, visto que a peça de roupa é permitida no uniforme da empresa para a qual trabalham.

  • De refugiada a modelo: a história de Mari Malek

    Mundo

    Mari Malek chegou aos Estados Unidos da América quando era ainda uma criança. Chegada do Sudão do Sul, a menina era uma refugiada à procura de um futuro melhor, num país que não era o seu. Agora, anos depois, Mari Malek é modelo, DJ e atriz, e vive em Nova Iorque. Fundou uma organização sediada no país onde nasceu voltada para as crianças que passam por dificuldade, como também ela passou.