sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ferro Rodrigues diz que é preciso continuar a respirar liberdade em França e Portugal

Ferro Rodrigues diz que é preciso continuar a respirar liberdade em França e Portugal

O presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, assinou esta terça-feira o livro de condolência às vítimas dos atentados em Paris, da última sexta-feira. A segunda figura do Estado deslocou-se à embaixada de França em Lisboa e encontrou-se com o embaixador Jean-François Blarel, a quem deixou uma mensagem de pesar, em nome do Estado português. Ferro Rodrigues fez questão de dizer que mantém laços pessoais com França, pelos 12 anos que passou no liceu francês, em Lisboa, mas também pelos seis anos que viveu em Paris, como embaixador da OCDE. O presidente da Assembleia da República deseja, por isso, que a mesma liberdade se mantenha em França como em Portugal.

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Encontrados dez sobreviventes no hotel engolido por avalanche em Itália
    1:44
  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.