sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Investigadores admitem existência de nono terrorista nos ataques de Paris

A equipa que investiga os atentados terroristas de Paris obteve um vídeo que indicia a existência de um nono terrorista entre os homens que dispararam na zona de bares e restaurantes, disse esta terça-feira fonte próxima da investigação.

A França decretou o estado de emergência e restabeleceu o controlo de fronteiras na sequência daquilo que o Presidente François Hollande classificou como "ataques terroristas sem precedentes no país". (Arquivo)

A França decretou o estado de emergência e restabeleceu o controlo de fronteiras na sequência daquilo que o Presidente François Hollande classificou como "ataques terroristas sem precedentes no país". (Arquivo)

© Benoit Tessier / Reuters

O vídeo mostra que pode haver um segundo atacante, juntamente com Salah Abdeslam, a menos que o homem na foto seja um dos dois cúmplices detidos na Bélgica.

O grupo radical sunita Estado Islâmico reivindicou no sábado a autoria dos atentados perpetrados na sexta-feira em Paris, que causaram pelo menos 129 mortos, entre os quais dois portugueses, e mais de 300 feridos.

Os ataques, perpetrados por pelo menos oito terroristas, ocorreram em vários locais da cidade, entre eles uma sala de espetáculos e no Estádio de França, onde decorria um jogo de futebol entre as seleções francesa e alemã.

A França decretou o estado de emergência e restabeleceu o controlo de fronteiras na sequência daquilo que o Presidente François Hollande classificou como "ataques terroristas sem precedentes no país".

Lusa

  • Mais de 50 detidos pela GNR em 12 horas

    País

    A GNR fez 51 detenções entre as 20:00 de sábado e as 08:00 de hoje, 39 das quais por condução sob efeito do álcool ou sem carta, e três por violência doméstica, segundo um comunicado hoje divulgado.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • Monumentos de 7 mil cidades às escuras por 1 hora
    2:51
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.