sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Cão-polícia morto pelos terroristas na operação em Saint-Denis

Uma cadela ao serviço das forças policiais francesas foi morta hoje durante a operação antiterrorista em Saint Denis, a norte de Paris, informou a polícia.

© Philippe Wojazer / Reuters

Na rede social Twitter, as autoridades policiais francesas informaram que a cadela Diesel, um pastor belga de sete anos, que integrava a unidade antiterrorista, foi morta pelos terroristas durante a operação.

"Os cães de assalto e especializados na deteção de explosivos são vitais nas operações da RAID [a unidade antiterrorista das forças policiais francesas que liderou a operação em Saint Denis]", escreveu a polícia francesa na sua conta no Twitter.

Após o anúncio da polícia, várias dezenas de internautas começaram a prestar homenagem a Diesel com a utilização da etiqueta (hashtag) #JeSuisChien (Eu sou um cão). Esta homenagem tornou-se entretanto viral.

Segundo a procuradoria de Paris, pelo menos dois suspeitos morreram durante esta operação, um deles uma mulher que acionou um cinto de explosivos, e sete pessoas foram detidas.

Vários elementos das forças policiais sofreram ferimentos.

A operação antiterrorista visava deter Abdelhamid Abaaoud, considerado o "cérebro" dos atentados de sexta-feira em Paris, que fizeram pelo menos 129 mortos e centenas de feridos.

Lusa

  • "O PSD é o centro das atenções da campanha e fico contente com isso"
    1:03
  • "O Brasil não parou e não vai parar"
    1:33
  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Marcelo na peregrinação de Nossa Senhora de Fátima no Luxemburgo

    Mundo

    O Presidente da República participou esta quinta-feira, a título privado, na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, na cidade luxemburguesa de Wiltz. Milhares de portugueses receberam Marcelo Rebelo de Sousa, que assistiu à missa e, durante alguns minutos, participou na procissão.

  • Cão interrompe jornal em direto
    1:00