sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Daesh volta a ameaçar Europa, sobretudo França, em vídeo na Internet

O autoproclamado Estado Islâmico (Daesh) voltou hoje a ameaçar a Europa, especialmente França, num novo vídeo divulgado na Internet e mostrando a queda da torre Eiffel.

Reuters/Arquivo

Reuters/Arquivo

© Yves Herman / Reuters

A gravação, cuja autenticidade não pode ser confirmada, tem pouco mais de seis minutos e foi divulgada pelo EI em Alepo, no norte da Síria.

O filme, intitulado "Paris entrou em colapso", começa com imagens dos atentados de dia 13 na capital francesa, que o EI reivindicou. Uma "voz off" dirige-se aos cidadãos europeus, referindo que não foi o EI que começou a guerra.

"Foram vocês (os europeus) que iniciaram a agressão contra nós e pagareis o preço quando os vossos filhos forem para a guerra", afirmam os 'jihadistas', advertindo que os europeus não se sentirão seguros nem nos seus próprios quartos.

No vídeo, um presumível membro do grupo radical, encapuzado e falando em francês com legendas em árabe, congratula-se com os atentados de Paris e incita "os irmãos de França e do mundo a fazerem o mesmo".

Um segundo 'jihadista' reitera as ameaças contra França e o presidente François Hollande devido aos bombardeamentos aéreos franceses na Síria.

Na última semana, a aviação francesa intensificou os ataques aéreos contra posições do EI, em resposta aos atentados de Paris, que mataram 130 pessoas.

Lusa

  • "Fiquei absolutamente perplexo com a escolha de Elina Fraga"
    0:43

    País

    Rogério Alves diz que ficou perplexo com a escolha de Elina Fraga para a vice-presidência do PSD. Em declarações à TSF e Diário de Notícias, o antigo bastonário da Ordem dos Advogados lembra as divergências com o governo de Passos Coelho, sobretudo em matérias de justiça.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07