sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Islamita detido na região de Paris suspeito de preparar "ações violentas"

Um dos quatro islamitas detidos esta manhã na região de Paris é suspeito de preparar "ações violentas em França", referiu o ministro do Interior, Bernard Cazeneuve, relativizando as informações sobre um projeto de "ataque iminente".

© Francois Lenoir / Reuters

Por sua vez, e interrogado após as detenções, o Presidente François Hollande apelou "à maior vigilância possível".

"O nível de ameaça permanece muito elevado", sublinhou, ao evocar designadamente a operação antiterrorista relacionada com os atentados de Paris e desencadeada na terça-feira em Bruxelas.

Três homens e uma mulher foram detidos pela Direção-geral de Segurança Interna (DGSI, serviços secretos franceses) ao início da manhã num bairro popular do XVIII bairro de Paris, e em Seine-Saint-Denis, informou na sua página digital a cadeia televisiva TF1.

Entre os suspeitos encontram-se Aytac e Ercan B., dois irmãos franceses de origem turca. No entanto, a DGSI centrou as suas investigações em Youssef E., um islamita já conhecido dos serviços secretos gauleses.

Este francês de 28 anos já foi condenado a cinco anos de prisão em março de 2014. A polícia já o tinha detido dois anos antes no aeroporto Saint-Etienne na companhia de dois cúmplices e quando se preparavam para partir em direção à Síria e juntarem-se aos grupos 'jihadistas'.

Youssef E. foi libertado da prisão de Fresnes, no Val-de-Marne, em outubro de 2015. Estava sob prisão domiciliária desde 29 de fevereiro no âmbito do estado de urgência decretado pelo Governo. A sua companheira também foi detida esta manhã.

A DGSI considerou que estes suspeitos se tornaram numa séria ameaça. O inquérito permitiu estabelecer que pelo menos um dos membros deste grupo tinha por objetivo cometer um atentado em Paris.

Após uma busca aos apartamentos, os investigadores referiram ter confiscado munições de metralhadora Kalashnikov, uma pistola de alarme, material informático e um cofre. A prisão preventiva pode prolongar-se no total por 96 horas.

Lusa

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartido de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • "Avançámos em primeiro lugar com incentivos às empresas"
    18:07

    Economia

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar do que pode ser feito depois da tragédia dos incêndios que assolou o país na última semana. O governante diz que já avançou com incentivos às empresas afetadas e que neste momento o mais importante é preservar a segurança das pessoas.

    Entrevista SIC Notícias

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Gémeas correm risco de vida se não saírem de Gaza

    Mundo

    Duas irmãs gémeas siamesas correm risco de vida enquanto permanecerem em Gaza. Quem diz é o médico Alam Abu Hamba, do Hospital de Shifra, que garante que "situação complicada" das meninas não pode ser tratada por médicos no território costeiro, atulamente bloqueado pelo Egito e por Israel. Abu Hamba espera que o casal de gémeas possa ser transferido para fora da separação.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC