sicnot

Perfil

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Ataques em Paris

Advogados abandonam defesa de Salah Abdeslam

Os advogados do principal suspeito dos atentados de Paris em novembro de 2015, Salah Abdeslam, anunciaram hoje que já não o vão defender.

"Decidimos os dois abandonar a sua defesa", disse o advogado Frank Berton, numa entrevista à BFM TV.

"Não achamos que ele vai falar, vai usar o seu direito de permanecer em silêncio", disse Berton numa entrevista conjunta com o colega Sven Mary, sublinhando que "desde o início" afirmaram que se o cliente "ficasse calado" deixariam de o defender.

Principal suspeito dos atentados de Paris, que causaram 130 mortos, Salah Abdeslam está detido em isolamento desde 27 de abril numa prisão no sul de Paris, sob videovigilância constante.

"Quando temos a sensação de estar lá para fazer visitas sociais à prisão, nesse momento uma decisão tem de ser tomada", acrescentou Mary.

Após meses em fuga, Abdeslam foi detido a 18 de março em Molenbeek, um bairro de Bruxelas, na Bélgica. Foi transferido para França sob acusações de terrorismo a 27 de abril.

Os investigadores ainda não conseguiram determinar o exato papel de Abdeslam nos ataques a bares, restaurantes, uma sala de concertos e um estádio em Paris, em novembro passado.

Lusa

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07