sicnot

Perfil

Atentado em Nice

10 crianças entre 84 mortos, 202 pessoas feridas, 52 em estado muito grave

O último balanço oficial do atentado em Nice dá conta de 84 mortos, entre os quais 10 crianças ou adolescentes, 202 feridos, 25 em suporte de vida, 52 em estado muito grave, revelou o procurador-geral francês, em conferência de imprensa.

© Eric Gaillard / Reuters

O atentado de quinta-feira à noite cometido por um homem de origem tunisina que lançou um camião sobre a multidão fez 84 mortos "entre os quais 10 crianças e adolescentes", afirmou esta tarde o procurador encarregue do inquérito, François Molins.

No total, 202 pessoas ficaram feridas, 52 encontram-se em estado muito grave, confirmou o procurador.

O motorista do camião era "totalmente desconhecido dos serviços de informações" franceses, mas o ato corresponde aos apelos dos jihadistas à morte dos "infiéis", declarou Molins.

O tunisino Mohamed Lahouaiej-Bouhlel, de 31 anos, era "totalmente desconhecido dos serviços de informações e nunca tinha sido alvo de sinalização por radicalização".

Este ataque, que não foi reivindicado, corresponde "exatamente aos apelos permanentes à morte" dos extremistas muçulmanos, sublinhou.

  • "Não podemos fazer de Lisboa uma cidade para turistas"
    2:44

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no Jornal da Noite da SIC, o mandato de Fernando Medina na Câmara de Lisboa. O comentador da SIC defendeu que o autarca tem "muitos problemas por resolver" e que a Câmara tem investido "mais na recuperação de zonas em que os lisboetas praticamente não conseguem ir". Sousa Tavares disse ainda que Lisboa não pode ser uma cidade para turistas.

    Miguel Sousa Tavares

  • "Putin é uma ameaça maior do que o Daesh"
    0:24

    Mundo

    O senador norte-americano John McCain atacou Vladimir Putin dizendo que é uma ameaça maior do que o Daesh. O antigo candidato à Casa Branca acusa a Rússia de querer destruir a democracia ao tentar manipular o resultado das presidenciais dos Estados Unidos.

  • "É muito importante ceder à tentação de se abolir a liberdade"
    1:06