sicnot

Perfil

Atentado em Nice

Familiar confirma morte de jovem de ascendência cabo-verdiana no atentado de Nice

Uma jovem de ascendência cabo-verdiana está entre as vítimas mortais do atentado de quinta-feira à noite em Nice, sul de França, confirmou hoje um familiar à Rádio de Cabo Verde (RCV).

© Pascal Rossignol / Reuters

Segundo a mesma fonte, a jovem de 25 anos, que nasceu em França, encontrava-se na companhia dos pais, irmão e outros primos, e terá morrido no local, enquanto os progenitores estão hospitalizados com ferimentos sofridos durante o ataque.

O pai da jovem é oriundo da ilha cabo-verdiana de Santiago.

A RCV, citada pela Inforpress, noticiou ainda que, por enquanto, não se conhece o paradeiro do irmão e de alguns primos que também assistiam ao fogo-de-artifício numa rua pedonal para assinalar o Dia da França.

Questionado hoje de manhã pelos jornalistas, o primeiro-ministro cabo-verdiano, Ulisses Correia e Silva, e o embaixador da França em Cabo Verde, Olivier da Silva, afirmaram que ainda não tinham informações oficiais sobre vítimas de descendência cabo-verdiana, mas que estavam a fazer contactos para obter mais informações.

Nice é uma cidade onde vivem muitos cabo-verdianos e descendentes.

Um camião atingiu na quinta-feira à noite uma multidão em Nice, na Promenade des Anglais, quando decorria um fogo-de-artifício para celebrar o dia de França.

O último balanço das autoridades francesas aponta para 84 mortos e uma centena de feridos, 18 dos quais continuam em estado considerado crítico. O condutor do camião foi abatido pela polícia.

As autoridades francesas já consideraram estar perante um atentado e o Presidente da França, François Hollande, anunciou o prolongamento por mais três meses do estado de emergência que vigora no país desde o ano passado. França decretou luto nacional de três dias.

A autoria do ataque ainda não foi reivindicada.


Lusa

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.